Geraldo Alckmin: governador entrega 735 novas residências

ribeirão preto – Na última quarta-feira (28) , o governador do estado, Geraldo Alckmin, esteve em Ribeirão Preto para fazer a entrega de casas da Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU) no município e também para as cidades de Jaboticabal e Viradouro. No total são 735 casas com energia solar, infraestrutura, água, esgoto, luz, iluminação pública e asfalto.Em Ribeirão Preto, o governador Geraldo Alckmin entregou, 250 imóveis. Os investimentos na construção dessas moradias somaram R$ 18,8 milhões. \”São 250 casas novinhas, feitas com qualidade, todas com energia solar, infraestrutura: água, esgoto, luz, iluminação pública, asfalto. E dessas todas, 18 moradias da Vila Dignidade, núcleo especifico para as pessoas da 3ª idade, projeto pioneiro no Brasil\”, lembrou o governador. Do total de unidades entregues, 232 foram edificadas no Conjunto Paulo Gomes Romeo, que integra Projeto Favelas Aeroporto, desenvolvido no âmbito do PAC e tem como objetivo o reassentamento habitacional de famílias removidas de áreas do entorno do aeroporto.Investimento As casas possuem dois e três dormitórios, cozinha, banheiro, com área construída de 52,84 m² e 59,97 m². A CDHU investiu R$ 16,4 milhões nessas unidades, que contam com as melhorias do seu novo padrão de qualidade. O conjunto terá um total de 692 casas, das quais 220 já foram entregues e 240 estão em construção. O residencial também contará com quadras de esportes, pista de skate e equipamentos de lazer.Os beneficiados terão prazo de até 25 anos para quitar o financiamento do imóvel. As prestações serão subsidiadas pelo governo do estado e calculadas de acordo com a renda familiar. Quem ganha até três salários vai desembolsar 15% dos rendimentos. Na ocasião também foi entregue o Condomínio Vila Dignidade destinado a idosos. A Companhia investiu R$ 2,4 milhões no empreendimento, que conta com 18 unidades, projetadas segundo o conceito do Desenho Universal, que permite facilidade no uso da moradia por qualquer indivíduo com dificuldade de locomoção, temporária ou permanente. Os beneficiados têm 60 anos ou mais e renda mensal de até dois salários mínimos.Com 43 m² de área construída, as casas do Vila Dignidade têm sala conjugada à cozinha, banheiro e área de serviço. Todas as moradias possuem itens de segurança e acessibilidade, como barras de apoio, pias ,louças sanitárias e interruptores em altura adequada, portas e corredores mais largos, entre outros. Recursos de acessibilidade também foram incluídos nos projetos das áreas comuns, que contam com salão de convivência e equipamentos de condicionamento físico. O governo do estado não cobrará prestações dos imóveis e as contas de consumo, como água e luz, serão custeadas pelo município. A prefeita Dárcy Vera comemorou a inauguração e ressaltou que os idosos não terão nenhum custo com aluguel e as contas de consumo, como água e luz, serão custeadas pela prefeitura. \”Garantir a oportunidade e inclusão social e garantir melhor condições de moradia para pessoas nesta faixa etária é gratificante. Agradeço a Deus pela oportunidade de ver essas pessoas realizando este sonho\” sublinhou. 234 em JaboticabalOs 234 apartamentos foram entregues no Conjunto Pedro Bedin. As famílias beneficiadas foram selecionadas por meio de sorteio público, sendo que 86% têm renda mensal de até três salários mínimos. Elas vão morar em imóveis de dois e três dormitórios, sala, cozinha, banheiro e área de serviço, com 44,73 m² e 65,34 m² de área útil. A CDHU investiu R$ 13,5 milhões no empreendimento, que conta com três quadras poliesportivas, três salões de festas e playground. \”É importante porque você permite quem ganha um salário, dois salários, três, quatro, famílias de menor renda poderem ter acesso à casa própria porque o governo coloca um grande subsídio nesse trabalho\”, afirmou o governador. Os beneficiados terão prazo de até 25 anos para quitar o financiamento do imóvel. 251 em Viradouro Governador Geraldo Alckmin e o secretário Silvio Torres (Habitação) entregaram as 251 casas na última quarta-feira em Viradouro A Companhia investiu R$ 16,1 milhões nas unidades, que possuem três dormitórios, sala, cozinha e banheiro, distribuídos em 52,36 m². Todos os imóveis estão sendo entregues com as melhorias do novo padrão de qualidade da CDHU. Os novos moradores foram selecionados por sorteio público, sendo que 89% deles possuem renda mensal de até três salários mínimos. \”São Paulo não deixa ninguém para trás. Então nós somos o único estado que quem ganha um salário mínimo pode receber a chave da casa e, é sua a casa, porque o governo investe recursos do orçamento do estado em moradia popular\”, disse o governador.

ribeirão preto – Na última quarta-feira (28) , o governador do estado, Geraldo Alckmin, esteve em Ribeirão Preto para fazer a entrega de casas da Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU) no município e também para as cidades de Jaboticabal e Viradouro. No total são 735 casas com energia solar, infraestrutura, água, esgoto, luz, iluminação pública e asfalto. Em Ribeirão Preto, o governador Geraldo Alckmin entregou, 250 imóveis. Os investimentos na construção dessas moradias somaram R$ 18,8 milhões. \”São 250 casas novinhas, feitas com qualidade, todas com energia solar, infraestrutura: água, esgoto, luz, iluminação pública, asfalto. E dessas todas, 18 moradias da Vila Dignidade, núcleo especifico para as pessoas da 3ª idade, projeto pioneiro no Brasil\”, lembrou o governador. Do total de unidades entregues, 232 foram edificadas no Conjunto Paulo Gomes Romeo, que integra Projeto Favelas Aeroporto, desenvolvido no âmbito do PAC e tem como objetivo o reassentamento habitacional de famílias removidas de áreas do entorno do aeroporto. Investimento As casas possuem dois e três dormitórios, cozinha, banheiro, com área construída de 52,84 m² e 59,97 m². A CDHU investiu R$ 16,4 milhões nessas unidades, que contam com as melhorias do seu novo padrão de qualidade. O conjunto terá um total de 692 casas, das quais 220 já foram entregues e 240 estão em construção. O residencial também contará com quadras de esportes, pista de skate e equipamentos de lazer.

Os beneficiados terão prazo de até 25 anos para quitar o financiamento do imóvel. As prestações serão subsidiadas pelo governo do estado e calculadas de acordo com a renda familiar. Quem ganha até três salários vai desembolsar 15% dos rendimentos. Na ocasião também foi entregue o Condomínio Vila Dignidade destinado a idosos. A Companhia investiu R$ 2,4 milhões no empreendimento, que conta com 18 unidades, projetadas segundo o conceito do Desenho Universal, que permite facilidade no uso da moradia por qualquer indivíduo com dificuldade de locomoção, temporária ou permanente. Os beneficiados têm 60 anos ou mais e renda mensal de até dois salários mínimos. Com 43 m² de área construída, as casas do Vila Dignidade têm sala conjugada à cozinha, banheiro e área de serviço. Todas as moradias possuem itens de segurança e acessibilidade, como barras de apoio, pias ,louças sanitárias e interruptores em altura adequada, portas e corredores mais largos, entre outros. Recursos de acessibilidade também foram incluídos nos projetos das áreas comuns, que contam com salão de convivência e equipamentos de condicionamento físico. O governo do estado não cobrará prestações dos imóveis e as contas de consumo, como água e luz, serão custeadas pelo município.

Leia também

Covid-19: hospitais particulares de São Paulo tem fila de…

Nova companhia área começa a operar em março no Brasil

A prefeita Dárcy Vera comemorou a inauguração e ressaltou que os idosos não terão nenhum custo com aluguel e as contas de consumo, como água e luz, serão custeadas pela prefeitura. \”Garantir a oportunidade e inclusão social e garantir melhor condições de moradia para pessoas nesta faixa etária é gratificante. Agradeço a Deus pela oportunidade de ver essas pessoas realizando este sonho\” sublinhou. 234 em Jaboticabal.

Os 234 apartamentos foram entregues no Conjunto Pedro Bedin. As famílias beneficiadas foram selecionadas por meio de sorteio público, sendo que 86% têm renda mensal de até três salários mínimos. Elas vão morar em imóveis de dois e três dormitórios, sala, cozinha, banheiro e área de serviço, com 44,73 m² e 65,34 m² de área útil. A CDHU investiu R$ 13,5 milhões no empreendimento, que conta com três quadras poliesportivas, três salões de festas e playground. \”É importante porque você permite quem ganha um salário, dois salários, três, quatro, famílias de menor renda poderem ter acesso à casa própria porque o governo coloca um grande subsídio nesse trabalho\”, afirmou o governador.

Os beneficiados terão prazo de até 25 anos para quitar o financiamento do imóvel. 251 em Viradouro Governador Geraldo Alckmin e o secretário Silvio Torres (Habitação) entregaram as 251 casas na última quarta-feira em Viradouro A Companhia investiu R$ 16,1 milhões nas unidades, que possuem três dormitórios, sala, cozinha e banheiro, distribuídos em 52,36 m². Todos os imóveis estão sendo entregues com as melhorias do novo padrão de qualidade da CDHU. Os novos moradores foram selecionados por sorteio público, sendo que 89% deles possuem renda mensal de até três salários mínimos. \”São Paulo não deixa ninguém para trás. Então nós somos o único estado que quem ganha um salário mínimo pode receber a chave da casa e, é sua a casa, porque o governo investe recursos do orçamento do estado em moradia popular\”, disse o governador.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes