Salmo do dia (31/01/2021): comece seu dia com gratidão

Quem tem Deus, como seu único e suficiente salvador, não teme as adversidades da vida.

Neste último dia do mês de janeiro, seja grato ao Senhor por mais um ano que começou. Mesmo nas pequenas coisas da vida, é importante dar graças ao Senhor. Veja o salmo do dia – salmo 144 – e comece seu domingo com o coração transbordando gratidão.

Este salmo do dia é uma oração feita pelo rei Davi. Ele agradece pela proteção que Deus lhe dá, e reconhece que o Senhor o livrou de todo o mal e sempre o amparou. Que assim como o Salmista, tenhamos a certeza que Deus é nosso abrigo, nosso escudo em todos os momentos de nossas vida. E que a certeza do seu amor incondicional, seja real para cada um de nós. Seja firme nas palavras do Senhor, e nunca se sentirá desamparado ou sem rumo. “Bem-aventurado o povo ao qual assim acontece; bem-aventurado é o povo cujo Deus é o Senhor”.

Salmo do dia, domingo, 31 de janeiro

Devemos agradecer todos os dias ao Senhor pelas suas infinitas misericórdias. Pois se não fosse sua mão poderosa, nem o ar para respirar nós teríamos. Deus é nossa rocha, nossa fortaleza, um abrigo para aqueles que precisam de proteção. Como podes não ter gratidão ao Senhor que tanto fez e faz por nossas vidas? Ele é quem faz cair a chuva sobre a terra, Ele faz crescer os alimentos e da vida ao ser humano. Se não fosse seu grande amor, não conseguiríamos viver nem um dia se quer. Seja grato ao Senhor pelo seu amor, sua graça, sua paz e todos os livramentos que Ele concede para você e toda sua família.

Leia também

Salmo do dia 25/02: leitura para começar o dia

Salmo do dia 24/02/2021: para ser grato ao Senhor pelos…

Cântico 144 para ler de manhã

Bendito seja o SENHOR, minha rocha, que ensina as minhas mãos para a peleja e os meus dedos para a guerra;
Benignidade minha e fortaleza minha; alto retiro meu e meu libertador és tu; escudo meu, em quem eu confio, e que me sujeita o meu povo.
Senhor, que é o homem, para que o conheças, e o filho do homem, para que o estimes?
O homem é semelhante à vaidade; os seus dias são como a sombra que passa.
Abaixa, ó Senhor, os teus céus, e desce; toca os montes, e fumegarão.
Vibra os teus raios e dissipa-os; envia as tuas flechas, e desbarata-os.
Estende as tuas mãos desde o alto; livra-me, e arrebata-me das muitas águas e das mãos dos filhos estranhos,
Cuja boca fala vaidade, e a sua mão direita é a destra de falsidade. (salmo do dia)
A ti, ó Deus, cantarei um cântico novo; com o saltério e instrumento de dez cordas te cantarei louvores;
A ti, que dás a salvação aos reis, e que livras a Davi, teu servo, da espada maligna.
Livra-me, e tira-me das mãos dos filhos estranhos, cuja boca fala vaidade, e a sua mão direita é a destra de iniqüidade,
Para que nossos filhos sejam como plantas crescidas na sua mocidade; para que as nossas filhas sejam como pedras de esquina lavradas à moda de palácio;
Para que as nossas despensas se encham de todo provimento; para que os nossos rebanhos produzam a milhares e a dezenas de milhares nas nossas ruas.
Para que os nossos bois sejam fortes para o trabalho; para que não haja nem assaltos, nem saídas, nem gritos nas nossas ruas.
Bem-aventurado o povo ao qual assim acontece; bem-aventurado é o povo cujo Deus é o Senhor. (Salmos 144:1-15)

Veja o vídeo sobre o salmo do dia.

- PUBLICIDADE -

Oração da noite: o salmo 91 traz segurança para os que confiam em Deus

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes