Nova fase vermelha começa em SP; veja como vai funcionar

Todas as regiões de São Paulo vão regredir para a fase vermelha durante à noite e nos finais de semana e feriados.

A partir de hoje (25) o estado de São Paulo entra na nova fase vermelha do Plano São Paulo para conter o coronavírus. Portanto, todas as regiões devem entrar na fase vermelha entre 20h e 6h diariamente. O mesmo vale para os finais de semana e feriados. A medida permanecerá até pelo menos o dia 7 de fevereiro. Dia 8 haverá uma nova avaliação dos municípios do estado.

Além disso, a partir desta segunda, nenhuma região ficará na fase amarela mais, todas vão estar ou na fase vermelha ou laranja. Com a reclassificação, 78% da população do estado está em regiões na fase laranja, enquanto 22%, na fase vermelha.

A regressão da quarentena à fase vermelha ocorre devido ao aumento de casos de COVID-19 e maior ocupação dos leitos no estado.

nova fase sp
Foto: Governo de SP

Fase Vermelha em SP

Ficou decretado que todo o estado de São Paulo vai retornar à fase vermelha durante os finais de semana e feriados e durante todas as noites. Contudo as regiões de Franca, Barretos, Presidente Prudente, Marília, Bauru, Sorocaba e Taubaté foram para a fase vermelha, a mais rígida do Plano. Essas devem operar apenas os serviços essenciais durante todos os dias da semana.

O que pode abrir na fase vermelha?

  • Farmácias
  • Mercados e supermercados
  • Padarias
  • Açougues
  • Postos de combustíveis
  • Lavanderias
  • Meios de transporte coletivo, como ônibus, trens e metrô
  • Transportadoras
  • Oficinas de veículos
  • Bancos
  • Serviços veterinários

- PUBLICIDADE -

O que não pode abrir na fase vermelha?

  • Shoppings, comércio e galerias
  • Consumo local em bares e restaurante
  • Salões de beleza e barbearias
  • Eventos
  • Atividades culturais
  • Convenções
  • Escritórios
Leia também

Nice x Monaco: onde assistir ao jogo da Copa da França…

Previsão do tempo SP: chuva forte na segunda e terça-feira

Nova fase Laranja em SP

As regiões da Grande São Paulo, Baixada Santista, Araraquara, Araçatuba, São João da Boa Vista, São José do Rio Preto, Ribeirão Preto, Campinas, Piracicaba, Registro estão na fase laranja. Nenhuma região está mais na fase amarela ou verde do plano. Veja como funciona essa fase.

nova fase sp
Fase vermelha Foto: Governo de SP

O que pode abrir na fase laranja?

  • Shoppings e galerias: ocupação máxima de 40% da capacidade local, inclusive nas praças de alimentação;
  • Comércio e serviços:  ocupação máxima de 40% da capacidade local, inclusive nas praças de alimentação;
  • Bares: sem atendimento presencial, com capacidade reduzida até 20h;
  • Restaurantes: podem abrir com capacidade reduzida até 20h;
  • Salões de beleza e barbearias: ocupação máxima de 40% da capacidade local por 8 horas;
  • Academias de esporte e centros de ginástica: ocupação máxima de 40% da capacidade local por 8 horas.

O que não pode abrir?

- PUBLICIDADE -

  • Atividades que geram aglomeração
  • Eventos
  • Convenções
  • Atividades culturais

O que é o São Paulo?

O Plano São Paulo foi elaborado em maio de 2020 com o intuito de frear a contaminação da população com o novo coronavírus. Ele determina as regras da quarentena no estado. Portanto, o plano vai decretar em qual fase cada região de SP deve se enquadrar, com base nos indicadores de ocupação de leitos, internação e mortes por COVID-19 no estado. Além disso, é por meio do plano que o governo determina quais setores vão poder funcionar e de que maneira, como horário de funcionamento ou capacidade máxima.

O que abre na nova fase na capital de SP hoje?

Como é feriado, inicialmente foi dito que na capital do estado apenas os serviços essenciais funcionariam. Contudo, depois foi informado que, na segunda, as restrições de fase vermelha vão valer só a partir de 20h, como nos demais municípios do estado. Portanto, durante o dia a cidade de São Paulo ainda se mantem na fase laranja do plano.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes