Auxílio emergencial: 20 milhões ainda receberão o benefício em janeiro

O benefício criado para dar suporte aos brasileiros em meio à crise econômica causada pela pandemia está chegando a reta final de seus saques.

O saque do auxílio emergencial está chegando ao fim: entre esta sexta-feira (15) e o próximo dia 27 de janeiro, a Caixa Econômica Federal vai transferir o benefício para pessoas que nasceram entre julho e dezembro. Serão pagas parcelas do auxílio original, de R$ 600, e do auxílio extensão, de R$ 300.

 

Últimos saques do auxílio emergencial

O auxílio emergencial, renda criada pelo governo federal para ajudar a população brasileira a enfrentar a crise econômica causada pela pandemia do novo coronavírus, chega em sua última etapa de transferência neste mês. 

A Caixa, banco responsável pelas poupanças digitais utilizadas para o repasse do dinheiro à população,  declarou que os nascidos entre julho e dezembro podem realizar seus saques nesta última fase do calendário, que vai até o dia 27 de janeiro. Ainda faltam cerca de 20,4 milhões de pessoas para receber o benefício – o que é um pouco menos da metade do total de beneficiários que entraram neste último calendário.

 A Caixa Econômica Federal pagou a última parcela do auxílio emergencial no dia 29 de dezembro, para os nascidos neste mesmo mês, marcando o fim dos depósitos do benefício em poupança social digital. 

 

Quanto posso sacar?

Leia também

Bolsa Família 2021: inscritos com NIS de final 9 recebem…

Pagamento do Bolsa Família 2021: veja quem recebe nesta…

O beneficiário deve consultar o aplicativo Caixa Tem para saber qual quantia deve sacar agora. A liberação para movimentar dinheiro na poupança social digital, também pelo aplicativo Caixa Tem, começou em dezembro. Também é possível pagar contas de contas de água, luz e telefone, fazer compras com o cartão virtual de débito pela internet e compras em estabelecimentos parceiros por meio de maquininhas com código QR (versão avançada do código de barras), utilizando o benefício federal por meio do Caixa Tem, antes da data do saque.

 

Quando é o meu saque do auxílio emergencial?

- PUBLICIDADE -

Os nascidos no mês de julho devem ter feito o saque na última sexta-feira (15). Na segunda (18), será a vez de quem nasceu em agosto. Para os beneficiários nascidos em setembro, outubro, novembro e dezembro, a liberação do saque ocorrerá nos dias 20, 22, 25 e 27, respectivamente.

 

Entre os próximos grupos com direito ao saque, os beneficiários nascidos em julho somam cerca de 3,4 milhões de pessoas, mesmo número dos de agosto. Já os de setembro e outubro somam, cada um dos grupos, 3,5 milhões, enquanto os de novembro, 3,3 milhões, quantidade igual à de beneficiários nascidos em dezembro.

 

Prorrogação do auxílio emergencial

O auxílio emergencial começou a ser pago em abril de 2020 e, inicialmente, pagou cinco parcelas de R$ 600. Em setembro, o benefício foi estendido até 31 de dezembro de 2020, mas com o valor de R$ 300. Existem ao menos seis projetos de lei que pedem a prorrogação do auxílio emergencial em 2021. Elaborados por parlamentares do Senado Federal e da Câmara dos Deputados, as propostas contam com diferentes prazos e valores para as parcelas.

O PL 5494/20, de autoria dos senadores Rogério Carvalho (PT/SE) e Paulo Rocha (PT/PA),  sugere a prorrogação do auxílio emergencial, com o pagamento de R$ 600 durante todo o primeiro semestre de 2021, totalizando assim seis parcelas neste ano.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes