Pix: existe limite para as transações ou transferências?

Apesar de não possuir um limite, regras podem variar dependendo da instituição financeira ou fintech

O novo sistema criado pelo Banco Central, é uma alternativa gratuita para serviços como o Doc e TED. Ele está disponível desde o dia 16 de novembro para aqueles cadastrados, e é uma nova solução de panamentos. Entretanto, muitos tem questionamentos sobre os limites de transações ou transferências do Pix.

 

Existe limite de transferências ou transações no Pix?

O Pix pode ser usado para diversas transferências e pagamentos de maneira mais simples. Isso pode acontecer entre pessoas, entre pessoas e estabelecimentos comerciais, entre estabelecimento e transferências a entes governamentais. Dentro dessas possibilidades, alguns usuários podem ter dúvidas.

Ao utilizar o sistema, não há um limite de valores ou transferências no Pix. Entretanto, é preciso saber as regras de cada instituição cadastrada, já que elas podem estabelecer limites máximos para inibir fraudes no sistema.

 

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

O que é o Pix?

O Pix é um sistema e funcionalidade disponível em aplicativos de bancos e fintechs onde a pessoa já tem conta. Após cadastrar, ele torna as transferências mais ágeis que o DOC/TED, e pode ser feito sete dias por semana, 24 horas por dia. Além disso, também promete realizar as operações em apenas 10 segundos. Contudo, os demais modos de pagamento continuam valendo. Dessa forma, o pagamento instantâneo é mais uma modalidade. Entre os objetivos do Pix, de acordo com o Banco Central, está a intenção de aumentar a competitividade do mercado, baixar o custo para os clientes, incentivar a eletronização do mercado de pagamentos de varejo e promover a inclusão financeira.

 

Como se cadastrar no Pix?

Aderir ao Pix é muito simples, bastando criar uma chave do Pix. Para isso, é possível usar os canais de atendimento do banco ou instituição financeira em que você tem conta. Nesse sentido, para efetuar as transações é preciso, primeiro cadastrar uma chave de endereçamento. As chaves Pix podem ser:

  • CPF e/ou CNPJ;
  • E-mail;
  • Número de telefone celular;
  • Chave aleatória, entre números e letras, com 32 dígitos.

Cada pessoa pode ter até cinco chaves para cada conta bancária. Contudo, não é possível cadastrar a mesma chave do Pix em mais de um banco. Entretanto, dentre as opções, acredita-se ser mais seguro cadastrar o número do CPF como chave.

 

Leia também:

Veja as 6 dúvidas mais frequentes sobre as chaves Pix

Pix: saiba como se proteger de fraudes e quais os principais golpes

Informar Erro

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes