Microempreendedor precisa fazer a declaração do MEI? Veja passo a passo

Obrigatório para todo microempreendedor individual, deve ser entregue no dia 31 de maio e se refere ao lucro do ano anterior. Confira como fazer a declaração do MEI:

A declaração do MEI é um dos principais obrigações daqueles que abriram seu pequeno negócio e viraram microempreendedores. O processo é muito simples, mas pode gerar algumas dúvidas com soluções fáceis. Todo o processo é realizado online de maneira prática e rápida.

 

O que é DASN-SIMEI?

A sigla se refere a Declaração Anual do Simples Nacional para o Microempreendedor Individual, ou como popularmente referem-se, Declaração Anual de Faturamento. Então, ela deve ser feita anualmente, com a declaração do valor do faturamento bruto do ano anterior. Ou seja, o valor total das vendas de mercadorias e serviços. O microempreendedor individual precisa preencher até o dia 31 de maio de cada ano, data marcada tradicionalmente.

O momento de realização da declaração é uma prestação de contas dos contribuintes à Receita Federal. Logo que da mesma maneira que as Pessoas Físicas precisam declarar o Imposto de Renda, o microempreendedor ou Pessoa Jurídica inscrita no MEI precisa declarar seu faturamento.

 

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Como fazer a declaração do MEI?

O processo é muito simples, mas pode gerar confusão. Por isso, é preciso ter atenção tanto no cálculo do seu faturamento quanto em manter os comprovantes organizados. Dessa maneira, basta seguir os passos simples:

  1. Faça um relatório das receitas obtidas a cada mês, você pode baixar um modelo no portal do empreendedor;
  2. Confira os valores das notas fiscais e se foram preenchidos corretamente no relatório;
  3. Faça login no Portal do Empreendedor, vá em serviços, clique em “Faça sua declaração anual de faturamento” e depois em “enviar declaração”;
  4. Preencha o CNPJ da empresa e os caracteres de segurança;
  5. Você terá duas opções: Original e Retificadora. Primeiramente, é necessário selecionar Original. Caso você já tenha feito a declaração do MEI e precisa corrigir um problema, você seleciona a segunda opção. Por fim, selecione o ano anterior;
  6. Preencha o campo “Valor da Receita Bruta Total”,e informe se houve contratação de empregado no período;
  7. Conclua o preenchimento, imprima ou guarde a cópia digital. Em caso de pendência junto da relação de impostos apurados e pados, faça a regularização para não perder seus benefícios. O envio do documento é feito à Receita Federal e você terá acesso ao comprovante de entrega.

 

 

O que se deve informar na declaração do MEI?

Portanto, as informações necessárias na declaração do seu MEI são:

  • Receita bruta total auferida no ano anterior;
  • Faturamento/receita bruta auferida no ano anterior nos setores de comércio, indústria e serviço de transporte intermunicipal e interestadual ou fornecimento de refeições;
  • Se teve empregado durante o período abrangido pela declaração.

 

O que colocar em “Valor da Receita Bruta Total”?

Nesse campo, você precisa preencher o faturamento da sua empresa no ano anterior. Em resumo, para chegar ao valor é necessário somar todas as notas fiscais, preferencialmente mês a mês. Assim como indicamos, você pode seguir o modelo no Portal do Empreendedor. Se você não faturou nada, preencha com o valor zerado.

Atenção: você deve preencher tanto os serviços ou produtos que tiveram nota fiscal quanto os que não tiveram. Além disso, quando a venda ou prestação de serviços é feita para outra empresa o MEI é obrigatório a emitir a nota.

Imagem: Drobotdean em Freepik

O que acontece se eu atrasar a entrega?

Caso a entregue da DASN-SIMEI seja feita em atraso, você fica sujeito ao pagamento de multa no valor mínimo de R$ 50,00, ou de 2% ao mês-calendário ou fração. Mas, fique atento. Não entregar a declaração você pode ter o CNPJ do MEI suspenso ou cancelado.

 

Por que guardar os comprovantes?

Manter seu comprovante de entrega da declaração do MEI de forma organizada e fácil pode ser muito útil. Órgãos licenciadores como a Prefeitura, Polícia Civil, Secretaria da Fazenda e outros podem pedi-lo para a renovação de licenças e alvarás.

Informar Erro

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes