Conheça a história do Maracanã, maior estádio do Brasil

Local de final de Copa do Mundo, Olimpíadas, Pan-americanos e shows, Estádio do Maracanã carrega parte da história do Rio de Janeiro, assim como do futebol brasileiro.

Palco de grandes apresentações e um dos principais estádios do planeta, sendo o principal do Brasil, o Estádio Jornalista Mario Filho, ou popularmente conhecido como Maracanã, carrega parte da história do Rio de Janeiro, assim como do futebol brasileiro, e também é um dos principais pontos turísticos da cidade carioca. Por esses gramados, diversos craques já pisaram e tantos outros foram campeões, uma jornada que traz alegrias e decepções aos torcedores. Conheça aqui a história do Maracanã, o templo do futebol nacional.

Em que ano foi construído o Maracanã ?

Fundado em 1950, a história do Maracanã começa a ser escrita 12 anos antes, em 1938. Neste ano, o presidente da FIFA, Jules Rimet, visitou o Rio de Janeiro e aceitou a candidatura brasileira para sediar a Copa do Mundo de 1950. Sede da quarta edição do campeonato, e a primeira logo depois do fim da 2ª Guerra Mundial, o país precisava de um grande estádio para receber o evento. Por isso, surgiu a ideia da construção do Maracanã.

No dia 2 de agosto de 1948, iniciou a construção do estádio que viria a ser o maior do mundo, naquela época. Localizado em uma região do Rio de Janeiro conhecida como Tijuca, o local ficava ao lado do Rio Maracanã, e as obras demoraram cerca de dois anos para serem concluídas. Estima-se que o custo total ficou em Cr$ 250 milhões (cruzeiros).

Com uma arquitetura oval, o estádio recebia cerca de 200 mil pessoas, além de ter 32 metros de altura, com eixos de 317 metros e 279 metros. Por fim, no dia 16 de junho de 1950 o local foi inaugurado com o nome de Estádio Mendes de Moraes ou Estádio Municipal do Derby.  No entanto, virou Estádio Mario Filho, no final dos anos 1960, em homenagem ao jornalista esportivo carioca irmão do cronista Nelson Rodrigues

Imagens da construção do estádio do maracanã
Imagens da construção do estádio do maracanã (foto: reprodução/diário do rio)

Quem marcou o primeiro gol do Maracanã?

Um dia após a inauguração, realizou-se a primeira partida no estádio, mesmo com as obras estando incompletas. Em campo, a Seleção do Rio de Janeiro encarou Seleção de São Paulo em partida com vitória para os paulistas, por 3 a 1. No entanto, os cariocas foram os primeiros a balançarem a rede, com o meio-campista Didi.

No dia 24 de junho, iniciou-se a Copa do Mundo de 1950, a primeira sediada no Brasil. Os donos da casa eram os favoritos para ficarem com a taça, no entanto um mês após a inauguração do campo, o Maracanã viveu um dos dias mais marcantes em toda sua história: a final entre Brasil e Uruguai.

Um jogo marcante, de forma triste, para os brasileiros. A Seleção Brasileira precisava apenas do empate para conquistar seu primeiro título Mundial, e estava bem próximo disso quando Friaça abriu o placar para os donos da casa, aos 47 minutos. No entanto, com gols de Schiaffino e Ghiggia, os uruguaios venceram o jogo e calaram as 173.850 pessoas no estádio. Até hoje, o episódio é conhecido como Maracanazo. Em espanhol, o sufixo “azo” significa algo grandioso.

Brasil perdeu para o uruguai a final da copa de 50, episódio conhecido como maracanazo
Brasil perdeu para o uruguai a final da copa de 50, episódio conhecido como maracanazo (foto: arquivo nacional)

O que significa Maracanã?

Popularmente conhecido como Maracanã, o estádio recebe este nome por ter sido construído ao lado do rio de mesmo nome. O Rio Maracanã também deu nome ao bairro onde está o estádio. Além disso, no Brasil é comum os torcedores batizarem o nome do estádio de acordo com o nome do bairro ou região que ele se encontra. Isso porque, o mesmo acontece com Morumbi e Pacaembu, estádios que não possuem estes nomes como oficiais, mas são chamados desta maneira devido ao local que se encontram.

A origem da palavra Maracanã vem do tupi maraka’nã, que significa “semelhante a um chocalho”.  Na região na qual o estádio se encontra habitava-se diversas aves, como o papagaio Maracanã-Guaçu, que fazia um barulho parecido com o de um chocalho. No entanto, os papagaios não habitam mais a região.

Reformas do Estádio

Ao longo dos anos, o Estádio do Maracanã passou por diversas reformas. Em 1994, para sediar as Eliminatórias da Copa, os responsáveis pelo local tiveram que deixa-lo mais seguro aos torcedores. Seis anos depois, o estádio sediou o Campeonato Mundial de Clubes de 2000, e por motivos de segurança e conforto, reduziu-se sua capacidade de público.

Estádio do maracanã recebeu reformas para sediar pan-americano e copa do mundo
Estádio do maracanã recebeu reformas para sediar pan-americano e copa do mundo (foto: marcelo santos/agência brasil)

Em 2005, demoliram as gerais, rebaixaram o gramado para dar mais amplitude à visão dos torcedores e o estádio recebeu cadeiras numeradas, ambas mudanças para o Pan-americano de 2007. Para sediar a Copa do Mundo de 2014, o estádio foi praticamente desmontado e um novo Maracanã surgiu, em formato de arena. Atualmente, o local tem capacidade para 78 mil torcedores.

Quem é o maior artilheiro da história do Maracanã?

O ídolo do Flamengo, Zico, é o maior artilheiro da história do Maracanã. No total, o Galinho de Quintino balançou as redes do estádio 333 vezes.

Maior artilheiro do estádio, zico comemora gol junto à torcida
Maior artilheiro do estádio, zico comemora gol junto à torcida (foto: reprodução/coluna do fla)

De quem é o Estádio do Maracanã?

Um dos principais pontos turísticos do Rio de Janeiro, o Estádio do Maracanã pertence ao Governo do Estado. No entanto, os clubes Flamengo e Fluminense administram o local, isso porque realizam suas partidas no campo.

Ao contrário de Vasco e o Botafogo, que possuem o Estádio São Januário e o Engenhão, respectivamente, a dupla Fla-Flu não possui uma “casa” própria. Por isso, mandam suas partidas para o Maraca.

Qual o maior público da história do Maracanã?

Ao longo de seus 70 anos de história, o Maracanã recebeu então diversos públicos em jogos de seleção, clubes e finais de campeonatos. Veja os 10 maiores públicos do estádio.

  • 1° – Brasil 1 x 0 Paraguai (195.513 presentes e 183.341 pagantes) – 31/08/1969
  • 2° – Flamengo 0 x 0 Fluminense (177.020) – 15/12/1963
  • 3° – Flamengo 3 x 1 Vasco (174.770) – 04/04/1976
  • 4° – Brasil 4 x 1 Paraguai (174.599) – 21/03/1954
  • 5° – Brasil 1 x 2 Uruguai (173.850) – 16/07/1950
  • 6° – Botafogo 0 x 0 Portuguesa-RJ (1° jogo) / Fluminense 3 x 2 Flamengo (2° jogo) – (171.599) – 15/06/1969
  • 7° – Flamengo 0 x 0 Vasco (165.358) – 22/12/1974
  • 8°- Brasil 6 x 0 Colômbia (162.764) – 09/03/1977
  • 9°- Flamengo 2 x 1 Vasco (161.989) – 06/12/1981
  • 10° – Bangu 2 x 1 Madureira (1° jogo) / Flamengo 1 x 0 Vasco (2° jogo) – ( 160.342) – 06/05/1973
Palco de final de copa do mundo e olimpíadas, maracanã comemora 71 anos em 2021
Palco de final de copa do mundo e olimpíadas, maracanã comemora 71 anos em 2021 (foto: fernando frazão/agência brasil)

Como chegar ao Maracanã?

Em tempos sem pandemia, ir ao Estádio do Maracanã costuma ser um grande atrativo para turistas ou apaixonados pelo futebol. Por isso, há diversas opções para se chegar no Estádio. No entanto, o mais aconselhável em dias de muita movimentação, é o transporte público.

Trem
Quem for ao local de trem, as estações Maracanã e São Cristóvão são interligadas com a Linha 2 do metrô.

Metrô

Linha 1: Descer na estação São Francisco Xavier (acesso aos portões C, D e E).

Linha 2: Descer na estação Maracanã (acesso aos portões A, B e C) ou então na estação São Cristóvão (acesso aos portões D, E e F).

Ônibus
Há diversas linhas de ônibus no Rio de Janeiro que levam até o Maracanã

Carro
Essa é opção menos aconselhável para dias de jogos e eventos. Isso porque interditam-se as ruas e não há estacionamento para o público em geral.

+ Veja como funciona o Campeonato Carioca 2021

+ Adriano Imperador se muda para hotel e vai pagar R$ 80 mil por mês

Você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.