Fórmula 1: Interlagos será sede do GP Brasil nos próximos 5 anos

João Dória e o Prefeito da cidade de São Paulo, Bruno Covas, anunciaram em coletiva nesta quinta (12) que o contrato com a Liberty Media foi renovado por mais cinco anos

O Governador de São Paulo, João Dória (PSDB), anunciou em coletiva de imprensa nesta quinta-feira (12) que o Grande Prêmio Brasil de Fórmula 1 será realizado no Autódromo de Interlagos, em São Paulo, por mais cinco anos, ou seja, até 2025. Além disso, levará o nome de Grande Prêmio São Paulo.

O contrato foi renovado com a Liberty Media, detentora dos direitos. Entretanto, ainda não constam em site oficial tanto da empresa quanto da Fórmula 1 pronunciamentos a respeito do tema.

Como será a F1 no Brasil?

Bruno Covas (PSDB), atual Prefeito de São Paulo, também participou da coletiva nesta quinta. Segundo ele, agora o GP Brasil levará o nome de Grande Prêmio São Paulo.

Além disso, o prefeito confirmou que o contrato deve ser assinado nos próximos dias. Ademais, se necessário, existe também a possibilidade de ser estendido por mais cinco anos, ou seja, até 2030.

“Uma das mudanças que  teremos é que agora nós teremos o GP São Paulo. Ele passa a ter o nome São Paulo, será o Grande Prêmio São Paulo exatamente pela ação que foi realizada em conjunto da Prefeitura com o Governo que foi fundamental para a manutenção do Grande Prêmio aqui na cidade de São Paulo”.

Sobretudo, pacotes promocionais, vídeos com transmissão global e placas de publicidade também foram adquiridas. Mas, acima de tudo, o prefeito reiterou os números de tributos, impactos e criação de novos empregos como consequências do evento em prol da cidade.

O que o governo de SP decidiu?

“Formula 1 renova contrato para a realização do Grande Prêmio Brasil de Formula 1 até 2025.

O Autódromo Internacional de Interlagos foi confirmado como sede do Grande Prêmio Brasil de Formula 1 nos próximos cinco anos. O contrato será assinado pelo prefeito Bruno Covas e a Liberty Media, detentora dos direitos mundiais da Fórmula 1.

É uma grande vitória para a cidade de São Paulo, grande vitória para o estado de São Paulo e uma grande vitória para o Brasil. Mas quero aqui, com satisfação e orgulho dizer: uma grande vitória para São Paulo.

A vitória do bom senso, do equilíbrio, a vitória determinada por um trabalho competente realizado pelo Bruno Covas e sua equipe na Prefeitura de São Paulo, com o apoio do Governo do Estado.

Os entendimentos que mantivemos desde o ano passado com a Liberty Media foram feitos com base em instrumentos corretos na existência de um autódromo que é aprovado pelos pilotos, aprovados pelas equipes e que há mais de 30 anos é a sede do Grande Prêmio Brasil de Fórmula 1.

Não fizemos especulações, não fizemos projeções artificiais, não prometemos investimentos que não poderiam ser feitos e agora a Liberty Media anunciou oficialmente que São Paulo continuará sendo a sede do Grande Prêmio Brasil Formula 1″.

Você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.