Como Eduardo Coudet transformou a equipe do Celta de Vigo

Depois de sua jornada pelo Internacional, Eduardo Coudet chegou ao clube espanhol disposto a dar outra cara para a equipe

Eduardo Coudet estava no comando do Internacional, clube de Porto Alegre, disputando o Campeonato Brasileiro e Libertadores quando recebeu uma proposta de trabalho na Espanha. Era o Celta de Vigo, time em que o mesmo atuou enquanto jogador. Então, Coudet resolveu aceitar este novo desafio na carreira.

Quando chegou ao novo destino, o treinador encontrou um Celta com baixo desempenho em campo e praticamente na zona de rebaixamento. Desde então, Coudet elevou o patamar da equipe, já que agora aparece na parte de cima da tabela do Espanhol, brigando por vaga em competições internacionais.

Quem é Eduardo Coudet?

O argentino de 46 anos nasceu em Buenos Aires, capital da Argentina. Assim como a grande maioria dos treinadores, começou sua história nos campos, especificamente na base do Platense. Passou por Rosario, San Lorenzo, River Plate, Celta de Vigo, San Luis e Necaxa do México, Colón, Philadelphia e Fort Lauderdale.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Como treinador, iniciou no comando do argentino Rosario em 2015. Dois anos depois, chegou até o Tijuana, do México. No ano seguinte, era o novo técnico do Racing. Em janeiro do ano passado, estava no comando do Internacional, onde permaneceu até novembro, substituído por Abel Braga.

Então, em 12 de novembro, foi anunciado pelo Celta de Vigo como novo treinador do time espanhol, com contrato válido até junho de 2022.

Desempenho do treinador no Celta de Vigo

Depois de aceitar a proposta do espanhol, Coudet encontrou um Celta de Vigo totalmente perdido, principalmente pelo fato de estar ameaçado pela zona de rebaixamento no Campeonato Espanhol. Na temporada, o time não vencia por sete rodadas.

Estreou no banco do clube com uma derrota no dia 21 de novembro, pela décima rodada diante do Sevilla com o placar de 4 a 2. Entretanto, mudou a face do Celta daí por diante. Agora, chegou a marca de sete jogos sem perder, com seis vitórias e um empate.

Além disso, Eduardo Coudet contribuiu não apenas com sua ideologia de trabalho, como também conseguiu mudar o nível técnico, extraindo o que cada jogador, tanto do ataque como defesa, tem de melhor. Dessa maneira, são 21 gols marcados com apenas 7 sofridos.

Peças fundamentais no elenco do Celta

Sem dúvidas, o destaque do azul celeste é Iago Aspas. O atacante possui nove gols marcados e seis assistências nesta temporada, tornando-se artilheiro da competição. Não há como negar o trabalho excepcional realizado pelo treinador com seus jogadores, potencializando principalmente o lado ofensivo, visível no número de gols.

No jogo coletivo de Coudet, Aspas, Nolito, Mendéz e Santi Mina ganham destaque. É esperado que a equipe consiga garantir uma vaga em competições como a Liga Europa para a próxima temporada.

Ademais, não há como negar que Eduardo Coudet está realmente fazendo história no futebol espanhol.

Celta de Vigo Iago Aspas
Celta de Vigo Twitter (@RCCelta)

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes