Grid de largada da F1: classificação completa GP da Hungria 2022

Confira como ficou a classificação completa e atualizada para a prova da Hungria na Fórmula 1 de amanhã, 31 de julho

George Russell é pole position na Hungria 2022! O britânico da Mercedes fez a volta mais rápida no tempo de 1m17s377 e conquistou o primeiro lugar no grid de largada da F1 para domingo. Os pilotos disputaram o treino classificatório no Circuito Hungaroring neste sábado, 30 de julho, para definir as posições de cada um no Grande Prêmio da Hungria 2022 na Fórmula 1, a décima terceira etapa da temporada.

O piloto da Mercedes vai largar em primeiro lugar no domingo, 31 de julho. Completam o pódio Carlos Sainz e Charles Leclerc, da Ferrari.

O Grande Prêmio da Hungria começa às 10h, dez da manhã, pelo horário de Brasília neste domingo, no Circuito Hungaroring.

Grid de largada da F1 2022 para amanhã

1º George Russell (Mercedes) – 1m17s377
2º Charles Leclerc (Ferrari) – 1m17s421
3º Carlos Sainz (Ferrari) – 1m17s567
4º Lando Norris (McLaren) – 1m17s769
5º Esteban Ocon (Alpine) – 1m18s018
6º Fernando Alonso (Alpine) – 1m18s078
7º Lewis Hamilton (Mercedes) – 1m18s142
8º Valtteri Bottas (Alfa Romeo) – 1m18s157
9º Daniel Ricciardo (McLaren) – 1m18s379
10º Max Verstappen (Red Bull) – 1m18s823
11º Sergio Perez (Red Bull) – 1m18s516
12º Zhou Guanyu (Alfa Romeo) – 1m18s573
13º Kevin Magnussen (Haas) – 1m18s825
14º Lance Stroll (Aston Martin) – 1m19s137
15° Mick Schumacher (Haas) – 1m19s202
16º Yuki Tsunoda (AlphaTauri) – 1m19s240
17º Alexander Albon (Williams) – 1m19s256
18º Sebastian Vettel (Aston Martin) – 1m19s273
19º Pierre Gasly (AlphaTauri) – 1m19s527
20º Nicholas Latifi (Williams) – 1m19s570

Como foi o treino de classificação da Fórmula 1?

Se na sexta-feira o clima foi de sol e muito calor, no sábado durante o treino classificatório o tempo fechou, com ameaça de chuva no circuito Hungaroring. Mesmo assim, a prova foi realizada com sucesso, sem nenhuma gota de água caindo do céu e o principal: muita qualidade e rivalidade entre os pilotos na busca pela pole.

Os pilotos seguiram para a pista no Q1. Verstappen assumiu facilmente a ponta da classificação com 1m18s792. Já a Ferrari deixou o box apenas aos 10 minutos com Leclerc e Sainz. Os dois pilotos, no entanto, não mostraram bom desempenho.

Norris, que surpreendeu no segundo treino livre ontem, pulou para a segunda posição, com Perez na terceira posição. O piloto da McLaren, entretanto, foi ultrapassado por Hamilton, da Mercedes. Mais tarde, no finalzinho do Q1, o britânico ultrapassou Verstappen e assumiu a liderança, com Russel em segundo e Sainz em terceiro. Foram eliminados Tsunoda, Albon, Vettel, Gasly e Latifi.

Pelo Q2, a Mercedes foi a primeira a acertar o melhor tempo no circuito Hungaroring. Norris, protagonista do fim de de semana, assumiu a liderança rapidamente, até que a alegria do piloto da McLaren foi quebrada por durou pouco até Verstappen ganhar a primeira posição sob tempo de 1m17s703.

Leclerc conseguiu se recuperar no finalzinho do Q2 ao atingir a segunda posição. Alonso também apareceu bem no terceira lugar, garantindo-se na última etapa do treino. Eliminados Perez, Zhou, Magnussen, Stroll e Schumacher.

Hora da decisão. Leclerc foi o primeiro a marcar volta mais rápida até a liderança no Q3, mas este não foi o seu melhor tempo já que foi justamente ultrapassado por Sainz, com 1m17s505 direto até a ponta. Hamilton também não teve boa volta.

Verstappen, atual campeão, mostrou dificuldade com o carro na pista ao terminar em décimo lugar. No finalzinho, Sainz buscou apenas manter-se na primeira posição, até George Russel surgir nos segundos finais e assumir a liderança com 1m17s377, garantindo a primeira pole position da sua carreira no Grid de largada da F1.

 

Veja também: Qual é o champagne da Fórmula 1 e origem da tradição

Você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.