Luta de Mike Tyson com Roy Jones Jr. termina com empate simbólico

Mike Tyson mostra que está em forma, comemora desempenho na luta contra Roy Jones Jr. e promete voltar aos ringues mais vezes

Aos 54 anos, Mike Tyson dominou as ações da luta de exibição contra Roy Jones Jr., três anos mais novo. Ainda assim, o combate realizado na madrugada deste domingo (29) em Los Angeles terminou com um empate simbólico.

Afinal, entre as condições impostas pela Comissão Atlética da Califórnia para autorizar a luta, não poderia haver contagem de pontos para Mike Tyson e Roy Jones Jr. Assim, nenhum vencedor foi declarado ao final do combate, e os dois lutadores receberam cinturões especiais do Conselho Mundial de Boxe com a frase “Black Lives Matter”.

No entanto, Mike Tyson acredita ter sido o vencedor da luta. Animado com seu desempenho após ficar 15 anos longe dos ringues, o ex-campeão afirmou que deseja continuar lutando. “Acho que venci. Acho que entretive as pessoas, as pessoas estão felizes comigo”, declarou a fera após o empate.

Mais do que o resultado da luta, Mike Tyson valorizou o fato de ter atacado o adversário ao longo de oito rounds. Por determinação da Comissão Atlética, o tempo de cada assalto foi reduzido para dois minutos. “Nocaute não significaria nada. Para mim é mais significativo conseguir lutar oito rounds, saber que poderia lutar dez”, comentou.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Roy Jones Jr., por sua vez, apostou no jogo de pernas tar tentar cansar Mike Tyson, mas ficou surpreso com o vigor do adversário. “Agora eu entendo quando as pessoas falam que tudo que ele toca machuca. Senti isso hoje. Os golpes na linha de cintura machucam muito”, admitiu.

Mike Tyson e Roy Jones Jr. após a luta
Joe Scarnici/Getty Images for Triller

Mike Tyson domina luta

Após perder 42 kg ao longo de sua preparação para voltar aos ringues, Mike Tyson tomou a iniciativa das ações desde o começo da luta. No primeiro assalto, ele encaixou os primeiros golpes, e tentou intensificar o ritmo no segundo, apesar da boa esquiva de Roy Jones Jr.

O terceiro round continuou com Mike Tyson acertando mais o adversário. No quarto assalto, ele veio com tudo buscando o nocaute, apostando em golpes na linha da cintura. Roy Jones Jr, então, precisou apelar aos clinches.

A partir do quinto round, houve mais trocas de golpes, mas Tyson continuava mais contundente. No sétimo, Roy Jones reagiu com uma boa sequência. Até que, no oitavo assalto, os dois veteranos usaram todo o gás que ainda restava para fazer uma bela exibição, com golpes francos que lembraram suas melhores apresentações.

Ao final da exibição, as duas lendas do boxe ganharam cinturões e posaram juntos. Mike Tyson entrou para a história ao ser campeão mundial dos pesos pesados com apenas 20 anos. Já Roy Jones Jr. é o único boxeador que começou nos meio médios e foi campeão nos pesados, acumulando títulos em quatro categorias diferentes.

Além da luta entre Mike Tyson e Roy Jones Jr., o evento realizado em Los Angeles teve apresentações musicais de Wiz Khalifa, Snoop Dogg e Ne-Yo. Entre as sete lutas do card, uma das mais esperadas era o duelo entre o ex-jogador da NBA Nate Robinson e o youtuber Jake Paul, que venceu por nocaute.

Informar Erro

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes