Pesquisa mostra que Bolsonaro perderia no segundo turno

O atual presidente venceria caso fosse contra Marina Silva, Joaquim Barbosa, João Doria ou Luciano Huck. Perderia contra quatro possíveis candidatos.

Uma pesquisa desenvolvida pelo instituto Atlas Político divulgada nesta sexta-feira (29), mostrou possíveis cenários em que Bolsonaro (sem partido) perderia no segundo turno eleitoral em 2022. Contra quatro possíveis candidatos, o atual presidente seria derrotado. O atual presidente venceria caso fosse contra Marina Silva, Joaquim Barbosa, João Doria ou Luciano Huck. A pesquisa foi publicada pelo site O Antagonista.

Bolsonaro perderia no segundo turno

Caso o segundo turno fosse entre Bolsonaro e Lula, o presidente perderia por 40,9% a 37,8%, e 21,3% votariam em branco/nulo ou não souberam responder. Se o cenário de 2018 se repetisse contra Fernando Haddad, o petista levaria por 42% a 38%. Neste cenário, 20,0% seriam nulos, brancos ou não saberiam responder.

Na disputa contra Ciro Gomes (PDT-CE), o ex-ministro ganharia por 41,1% a 38,9%. 20,0% seria o percentual de branco/nulo/não soube responder. Contra Sérgio Moro, o ex-juiz venceria por 34,0% x 33,6%, e 32,4% seriam brancos, nulos ou não saberiam responder.

Em um cenário contra Luiz Henrique Mandetta, o médico que já foi ministro de Bolsoanro venceria por 39,9% a 39,6%. 20,5% de branco/nulo/não soube responder.

Leia também

VÍDEO: Bolsonaro encerra entrevista após pergunta sobre…

Nova companhia área começa a operar em março no Brasil

Vitórias

Nos casos em que Bolsonaro ganharia, contra Marina Silva (Rede-AC) o presidente venceria por 37,1% x 34,8%, e 28,1% seriam a branco/nulo/não soube responder.

Bolsonaro também venceria o atual governador de São Paulo, João Doria (PSDB), por 39,3% x 34,3%. Neste caso, 26,4% não saberiam responder ou votariam em branco.

- PUBLICIDADE -

Contra o ex-ministro do Supremo Tribunal Federal Joaquim Barbosa, Bolsonaro ganharia por 36,1% a 32,2% e 31,7% não dariam seus votos ou não souberam responder.

Em um confronto contra Luciano Huck, cotado para se candidatar, Bolsonaro seria eleito por 39,4% x 34,1%. Além disso, 26,5% seriam branco/nulo/não soube responder.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes