Falha de segurança no Instagram permitia invasão de hackers

Através de um bug no sistema do Instagram, hackers acessam contas e dispositivos das vítimas

Você já parou para pensar se nossa privacidade e nossos dados realmente estão seguros na internet? Depois de escândalos envolvendo o Facebook e o TikTok, uma falha de segurança no Instagram foi descoberta recentemente.

Com isso, usuários da rede tiveram suas contas e até mesmo dispositivos comprometidos. Embora já tenha sido resolvido, o problema técnico colocou em risco a segurança de milhares de pessoas.

 

Entenda a falha de Segurança no Instagram

Falha de Segurança do Instagram
Imagem: Reprodução / Unsplash

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Também chamada de Remote Code Execution, a falha de segurança no Instagram foi descoberta pela Check Point Research, empresa especializada em cibersegurança.

Segundo eles, para realizar o ataque era só o criminoso enviar uma imagem feita para a invasão e pronto. A simples ação era o suficiente que o bug do sistema iniciasse.

Normalmente, a imagem era enviada por algum aplicativo de mensagens. Com o armazenamento automático de mídias, a imagem ficava salva no aparelho móvel e assim, a falha de segurança no Instagram ocorria.

Através da lista de permissões, o criminoso tinha o acesso de dados privados da vítima. Assim, era possível saber a localização, contatos e arquivos pessoais disponíveis no aparelho móvel. Com isso, o hacker poderia ter acesso a lista de contatos, câmera, microfone e até mesmo a localização em tempo real da vítima.

 

As vítimas do bug do Instagram

Falha de Segurança do Instagram
Imagem: Reprodução / Unsplash

 

De fato, o Instagram é uma das redes sociais mais populares do mundo. Consequentemente, um erro técnico comprometer a privacidade de milhões de usuários e foi o que aconteceu.

A partir da falha de segurança do Instagram,  hackers conseguiam acessar os aparelhos das vítimas através do envio de imagens maliciosas no aplicativo.

Dessa forma, os invasores podiam ler conversas, excluir ou postar fotos e manipular as informações do perfil da conta. Além disso, a falha de segurança no Instagram funcionava como ferramenta de espionagem da vítima.

Assim, usuários da rede tiveram suas contas e até mesmo dispositivos comprometidos. Desse modo, o aplicativo colocou em risco a segurança de milhares de pessoas.  

 

Saiba como proteger seus dados virtuais

Segurança de Dados Virtuais
Imagem: Reprodução / Pexels

Embora a falha de segurança do Instagram tenha sido resolvida pela CheckPoint, é bastante comum que esse tipo de erro no sistema ocorra. Em um mundo cada vez mais digital, onde compras e operações bancárias são feitas com um clique, cuidado nunca é demais.

Por acaso você já percebeu como é fácil encontrar informações online? Datas de aniversários, formação acadêmica, local de trabalho estão disponíveis na internet. Por isso, é preciso ter cautela com o que compartilhar nas redes.

Embora pareçam informações inofensivas, elas podem por causar grandes danos à sua segurança. Dessa forma, a proteção de dados virtuais se torna cada vez mais necessária nos dias atuais. Assim, você pode adotar uma série de práticas de proteção à sua privacidade no mundo digital. Acompanhe:

  • Não salve senhas nem número de cartões no navegador;
  • Use a aba anônima para acessar suas contas;
  • Limpe o histórico de pesquisas e downloads no Google;
  • Refine as configurações e permissões de suas redes sociais;
Informar Erro

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes