Mãe de Luciana Gimenez perde R$ 50 mil em golpe no WhatsApp

Segundo Vera Gimenez, o golpista se passou pela filha no aplicativo de mensagens e conquistou sua confiança

Vera Gimenez, mãe da apresentadora Luciana Gimenez, foi vítima de um golpe virtual e perdeu R$ 50 mil. O caso ocorreu na semana passada. Durante entrevista ao programa ‘Alerta Nacional’, da Rede TV!, Vera contou que perdeu R$ 50 mil na última sexta-feira, dia 2.

Como Vera Gimenez foi vítima?

Vera explicou que uma pessoa até então desconhecida entrou em seu aplicativo de mensagens, o Whatsapp, se passando por sua filha.

“Recebi uma mensagem no zap com uma foto da minha filha não usual, dizendo que ela tinha trocado de número”, disse.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Vera Gimenez ainda falou que o golpista foi ganhando sua confiança conversando durante algum tempo antes de pedir dinheiro. “Conversei com a pessoa, confiei nela achando que era minha filha. “Fui enganada, me senti uma idiota”, relembrou.

Luciana Gimenez participou da entrevista ao programa da Rede TV!, ao vivo, por telefone, e fez um alerta sobre como o golpe é bem esquematizado. “Eles são uma quadrilha. São profissionais. Eu não peço dinheiro para ela”, disse.

Depois que fez a transferência, Vera entrou em contato com Luciana. Foi aí que se deu conta que havia sido vítima de um golpe, pois a filha desconhecia o pedido.

Mesmo em contato com o banco, não houve jeito de reaver os R$ 50 mil. Com isso, Vera Gimenez foi obrigada a amargar o prejuízo.

Em conversa com a colunista Fábia Oliveira, do jornal O Dia, Vera lamentou a situação. “Foi um deslize muito grande da minha parte. Eles sabem como enganar as pessoas. Serei obrigada a vender meu carro por causa disso”, relatou entristecida.

Como não cair em um golpe desses?

Dicas simples podem fazer a diferença entre conseguir escapar ou ser vítima de um golpe digital, modalidade que vem crescendo há muito tempo.

  • Sempre desconfie de mensagens que contenham erros ortográficos ou gramaticais
  •  Não confie em qualquer link que seja enviado para você, sobretudo se oferecer alguma vantagem fora do comum
  •  Não dê informações pessoais e bancárias como: endereço, telefones, número de cartões ou contas, data de aniversário, ou senhas, por exemplo
  • Preste muita atenção a links de sites falsos e formulários maliciosos
  • Antes de fazer transferências bancárias, confirme de outras formas com a pessoa que está solicitando o dinheiro a veracidade do pedido. Um simples telefonema pode evitar dor de cabeça futura.
  • Desconfie de comportamentos ou conversas fora do normal com pessoas que você conhece. Certifique-se que realmente é a pessoa que você pensa que está do outro lado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes