Conheça 10 personalidades trans que fizeram história no Brasil

Dia 29 de janeiro é comemorado o dia da visibilidade trans no Brasil. Essa foi a data de lançamento da campanha “Travesti e Respeito”, do Programa Nacional de DST/Aids.

Amanhã, 29 de janeiro, é comemorado o dia da visibilidade trans no Brasil. Neste dia, em 2004, foi a primeira vez na história do país, em que travestis e transexuais estiveram no Congresso Nacional para falar aos parlamentares brasileiros sobre a realidade dessa população. Além disso, essa é a data de lançamento da campanhaTravesti e Respeito”, do Programa Nacional de DST/Aids.

Contudo, a representatividade e visibilidade deste grupo é pequena e nem todos conhecem seus representantes. Por isso, separamos 10 personalidades tras brasileiras, que ajudam a mudar a história do país. Confira.

Laerte Coutinho – Personalidades trans

Personalidades trans
Foto: sindicato dos jornalistas de são paulo

Laerte Coutinho tem 69 anos e é chargista e cartunista, ganhou destaque por, além de seu trabalho, se afirmar mulher mais tarde em sua vida. Laerte é reconhecida internacionalmente por seus trabalhos e ativismo. Inclusive tem um documentário na Netflix falando sua descoberta e transformação.

Jaqueline Gomes de Jesus

Personalidades trans
Foto: divulgação

Jacqueline é ativista do movimento negro e LGBTQIA+ e professora de psicologia. Foi a primeira negra trans a receber a medalha Chiquinha Gonzaga, prêmio criado pela Câmara Municipal do Rio de Janeiro com o objetivo de homenagear personalidades femininas que se destacam em prol de causas democráticas, humanitárias, artísticas e culturais. É também autora do livro “Transfeminismo: Teorias e Práticas”.

Cláudia Celeste

Cláudia celeste
Foto: reprodução

Claudia foi uma atriz e dançarina brasileira. Ficou marcada na história por ser a primeira trans a participar de uma novela na televisão, chamada “Espelho Mágico”. Contudo, na época, o público não sabia de sua transição, pois a ditadura não permitia que transgêneros aparecerem na televisão. Por conta disto, ela deixou a novela e voltou ao ar em “Olho por Olho”, em 1988.

Thammy Miranda – Personalidades trans

Thammy miranda
Foto: reprodução/redes sociais

Filho de Gretchen, Thammy sempre conviveu com a mídia e o com público, que acompanhou sua transição. O artista sempre levantou temas de importância para a população transgênero no Brasil. Hoje, ele é pai de seu primeiro filho com sua esposa Andressa Ferreira. Em 2020, Thammy foi eleito vereador da cidade de São Paulo.

Lea T – Personalidades trans

Personalidades trans
Foto: divulgação

Lea T trabalha como modelo e visa colocar transgêneros cada vez mais nas passarelas e no mundo da moda. A artista é filha do jogador de futebol Toninho Cerezo.

Tarso Brant

Personalidades trans
Foto: redes sociais

Tarso ficou conhecido quando ainda usava seu nome de batismo. Ele revelou sua identidade de gênero nas redes sociais em meados de 2013, quando o assunto era pouco comentado. Anos mais tarde, o artista ganhou espaço e já fez duas participações em novelas da Rede Globo. Inclusive, Tarso está no ar na reprise de “A Força do Querer”.

Erica Malunguinho – Personalidades trans

Alesp
Foto: comunicação alesp

Nascida em Pernambuco e ativistas pelos direitos da população LGBTQIA+, Erica foi a primeira mulher, trans e negra a ser eleita deputada estadual por São Paulo. Além disso, Erica Malunguinho da Silva também é uma educadora e artista plástica.

Ariadna Arantes

Ariadna
Foto: divulgação/globo

Ariadna fez história ao ser a primeira mulher trans a participar do reality Big Brother Brasil, em 2011. Hoje ela trabalha como modelo e estuda psicanalise. Sua intenção é poder ajudar mulheres trans que passam pelo mesmo processo de aceitação que ela passou.

Linn da quebrada

Reproducao rede globo
Foto: reprodução/rede globo

A cantora que vem da periferia de São Paulo vem quebrando padrões sociais com seu trabalho na arte. Linn ainda é ativista pelos direitos da população LGBTQIA+ e comunidade negra.

Além disso, Linn apostou na televisão e integrou o elenco da série da Globo, ‘Segunda Chamada’.

Keila Simpson – personalidades trans

Keila simpson
Foto: reprodução

Keila fez história sendo a primeira travesti a assumir a presidência do Conselho Nacional de Combate à Discriminação e Promoção dos Direitos Humanos LGBT. Além disso, a baiana é a presidente da Associação Nacional de Travestis e Transexuais (ANTRA).

Você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.