Finanças para empreendedores: confira dicas importantes

Se você está começando um negócio é fundamental saber como lidar com as contas de forma organizada

Da definição do pró labore ao controle de gastos, é muito importante considerar que a organização das finanças para empreendedores requer muita atenção.

0 290

Algumas dicas de finanças para empreendedores são simples de se colocar em prática e podem evitar muita dor de cabeça, por isso é importante começar a segui-las o quanto antes.

Primeiramente, separe gastos pessoais e gastos da empresa. Unir as duas coisas pode causar confusão, principalmente quando há funcionários ou muitas despesas.

Além disso,  controle as receitas e despesas o tempo todo, acompanhando o fluxo de caixa. Vale principalmente se os gastos ainda são maiores do que as entradas. Isso acontece frequentemente em negócios iniciantes.

Também não esqueça do capital de giro para que a empresa continue funcionando independente do cenário. Alguns negócios precisam de tempo para ter lucro e é preciso ter dinheiro suficiente para fazer o caixa girar enquanto a receita não chega.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Acompanhe e corte gastos desnecessários

 

Se você está começando a empreender, não esqueça de avaliar de forma frequente todos os gastos. Substitua e corte os que não fizerem sentido.  Além disso, negocie com fornecedores e revise contratos frequentemente.

“É fundamental adequar as dívidas e financiamentos da empresa para os cenários desenhados, buscando períodos de carência, redução de juros e extensão nos prazos de pagamento”, explica o diretor executivo da Confirp Consultoria Contabil, Richard Domingos.

 

Cuidar das finanças para empreendedores requer atenção às tarifas

 

Lembre-se também de checar taxas e tarifas bancárias. Considere startups da área financeira,  que têm muitos serviços gratuitos, desde conta digital até cartão de crédito sem tarifa. Pode ser uma boa economia.

Finalmente, dentre as dicas de finanças para empreendedores está a avaliação dos custos de manutenção de estrutura física. Eles são mesmo necessários? Atualmente dá para começar muitos negócios em casa ou usar co-workings. Além disso, a tendência para muitos negócios é que funcionem apenas virtualmente. 

De acordo com uma pesquisa da ISE Business School, 80% dos gestores entrevistados disseram gostar da nova forma de trabalho remoto impulsionada pela pandemia.

 

dicas de finanças para empreendedores
Imagem: Reprodução / Unsplash

Estabeleça um pró labore e tenha reserva

 

Finalmente, precisamos lembrar que estabelecer um pró labore é obrigatório, mas o valor dele não é fixo e existem diversas maneiras de determiná-lo. Por exemplo, você pode realizar uma pesquisa e fazer um comparativo entre a média salarial nas empresas ou, ainda, pensar quanto pagaria a alguém terceirizado para realizar as mesmas tarefas.

Outra dica importante das finanças para empreendedores é ter fundo ou reserva de emergência. Deixe-a em uma conta separada e aplique em investimentos com alta liquidez para que possa usar se for necessário.

 

Tenha metas ao organizar as finanças para empreendedores

 

Para terminar, procure ter metas financeiras para a empresa. Assim como uma pessoa física precisa definir quais os planos para o dinheiro que entra, pense nos objetivos do negócio.

Entre perguntas para responder estão: Quais os próximos investimentos? Para onde o negócio deve caminhar? Há dívidas a serem quitadas? Será preciso aguardar muito tempo para receber?

“Ter planejamento sempre é um diferencial para empresas. Mas isso se evidência ainda mais em períodos de crise como o atual. Se a empresa já projetou possíveis cenários para o futuro e estratégias, já deu um bom passo para sobrevivência. Caso não tenha feito, ainda é tempo”, explica o especialista Richard Domingos. 

Informar Erro

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes