Geraldo Alckmin assina convênio para construir túnel em Carapicuíba

Carapicuíba – Nesta quarta-feira, 11, o prefeito Sergio Ribeiro recebeu o governador Geraldo Alckmin no Calçadão do centro, junto à população para assinarem o Convênio entre a Prefeitura de Carapicuíba e o Governo do Estado de São Paulo, que construirá o túnel e o boulevard na Avenida Mário Covas.

Carapicuíba – Nesta quarta-feira, 11, o prefeito Sergio Ribeiro recebeu o governador Geraldo Alckmin no Calçadão do centro, junto à população para assinarem o Convênio entre a Prefeitura de Carapicuíba e o Governo do Estado de São Paulo, que construirá o túnel e o boulevard na Avenida Mário Covas.

O convênio assinado por Geraldo Alckmin e o prefeito garante o repasse através do Fundo Metropolitano de Financiamento e Investimento (Fumefi) de R$ 19.047.184,56 que garante a primeira etapa de um conjunto de ações que beneficiarão a região central, compreendendo o terminal rodoferroviário, as Faculdades Fatec/Etec e FNC, e a criação do sistema viário Mário Covas.

Haverá mais repasses até atingir o valor total de R$ 60 milhões. Além disso, o empreendimento prevê a construção do túnel que acabará com o acúmulo de veículos na saída para o Tamboré e o acesso à Rodovia Castello Branco. O prefeito Sergio Ribeiro sancionou a Lei n. 3.100, de 27 de outubro de 2.011, autorizando a prefeitura a implantar a operação urbanística “Novo Centro – sua Nova Cidade”, visando a melhoria e valorização ambiental e o desenvolvimento urbano, educacional e cultural da área central da cidade, mediante a implantação e implantação e implementação da infraestrutura na área de abrangência do programa.

O Fumefi é responsável pela liberação de recursos para o desenvolvimento de cidades com baixa arrecadação. Quem determina como os valores devem ser aplicados, é o prefeito de cada município. No evento, o prefeito afirmou: “Esta assinatura é um marco histórico para Carapicuíba, que representa mais que uma reformulação urbanística e novo paisagismo: É a reconstrução da autoestima do nosso povo”.

Você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.