Jovem escala janela do hospital para se despedir de mãe com Covid

A mãe, Rasmi Suwaiti, 73 anos, morreu cinco dias após ser hospitalizada dm um hospital em Beit Awa, na Cisjordânia.

A história de um filho dedicado para se despedir da mãe com covid-19 está partindo corações nas redes sociais.O jovem palestino Jihad Al-Suwaiti, de 30 anos, foi flagrado do escalando as paredes de um hospital em Beit Awa, na Cisjordânia, para acompanhar Rasmi Suwaiti,  que tinha 73 anos e não resistiu.

A idosa lutava contra uma leucemia quando foi diagnosticada com a covid-19, e morreu após cinco dias de internação. Segundo a emissora francesa AJ+, o jovem conseguiu entrar no quarto de sua mãe para se despedir.

Uma fonte do hospital disse que o jovem ficava um bom tempo na janela do quarto para a fazer companhia à mãe. “Ele ia embora apenas quando ela já tivesse dormido”, disse o funcionário. O hospital chegou a alertar Jihab sobre o perigo de escalar o local, mas ele ignorou o alerta e continuou indo visitar a mãe.

Imagem mostra ilustração de um anjo da guarda com menino palestino vendo a mãe

As fotos do homem foram destacadas por uma autoridade da ONU chamada Mohamad Safa no Twitter.

“O filho de uma mulher palestina infectada com COVID-19 subiu ao quarto do hospital para sentar e ver sua mãe todas as noites até que ela falecesse”, escreveu ele.

“Que filho maravilhoso. Trouxe lágrimas aos meus olhos e um nó na garganta com tanto amor e carinho”, comentou um seguidor.

- continue lendo -

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes