Antecipação do Auxílio Brasil mês de agosto: datas e valores

Antecipação do Auxílio Brasil mês de agosto: confira aqui novo calendário de pagamento

Antecipação do Auxílio Brasil mês de agosto de 2022 foi anunciada pelo Ministério da Cidadania. O valor de R$ 600,00 será pago no dia 9 de agosto, nove dias antes do previsto pelo calendário anteriormente.

A antecipação do Auxílio Brasil do mês de agosto muda o cronograma de pagamentos, desta forma as famílias que têm direito ao benefício começam a receber o Auxílio Brasil do mês de agosto dentro da primeira quinzena.

O Auxílio Brasil é o programa de transferência de renda do Governo Federal que substituiu o Bolsa Família. Depois que a PEC (Proposta de Emenda à Constituição) promulgada pelo Congresso Nacional ampliou o valor recebido, as famílias vão poder contar com pelo menos cinco parcelas de R$ 600,00.

Por que terá antecipação do Auxílio Brasil?  

O Governo Federal fez a antecipação do Auxílio Brasil mês de agosto levando em conta o Estado de Emergência estabelecido pela PEC que ampliou o valor do benefício e ainda criou outros dois programas sociais.

“Estamos trabalhando para que as famílias contempladas pelo Auxílio Brasil tenham acesso aos R$ 600,00 com a maior brevidade possível”, explicou o ministro da Cidadania, Ronaldo Bento, no portal do Governo Federal.

Anteriormente, o benefício seria pago entre os dias 18 e 31 de agosto, conforme o último número do NIS (Número de Identificação Social). Agora, com a antecipação do Auxílio Brasil mês de agosto, os contemplados vão receber a partir do dia 9 de agosto, seguindo o NIS. O pagamento da primeira parcela de R$ 600,00 terminaria dia 22 de agosto.

Além da antecipação do Auxílio Brasil mês de agosto, as famílias contempladas já podem contar com auxílio maior. De R$ 400,00 mensais, o benefício subiu para R$ 600,00, o valor será pago até dezembro de 2022, após este período, a previsão é de que volte aos R$ 400,00.

Lembrando que o valor de R$ 600,00 é o benefício principal do Auxílio Brasil, mas há ainda auxílios complementares, dependendo do perfil da família. Por exemplo: Bolsa Esporte Escolar, Bolsa de Iniciação Científica e a Inclusão Produtiva Rural.

A antecipação do Auxílio Brasil mês de agosto ocorreu depois que a PEC (Proposta de Emenda à Constituição), que ampliava o valor do benefício para R$ 600,00, foi promulgada.

Como o Governo Federal já previa começar a pagar o novo valor no mês de agosto, a antecipação se deu para que os beneficiários tivessem acesso o mais rápido possível aos novos valores.

A antecipação do Auxílio Brasil mês de agosto foi determinada pela Instrução Normativa publicada no último dia 25 de julho, no Diário Oficial da União.

Com a antecipação do Auxílio Brasil mês de agosto, o calendário de pagamentos começa no dia 9 de agosto e vai até o dia 22. No próprio site do Ministério da Cidadania, o titular da pasta, ministro Ronaldo Bento afirma que a antecipação é para beneficiar as famílias contempladas dentro do contexto socioeconômico que o País passa.

“A antecipação do calendário de pagamento em agosto leva em conta o Estado de Emergência estabelecido pela Proposta de Emenda Constitucional aprovada pelo Congresso Nacional”, disse o ministro.

Até o momento, a antecipação está prevista apenas para o calendário de agosto. Abaixo falamos mais sobre outros pontos da antecipação do Auxílio Brasil mês de agosto.

Qual o valor do Auxílio Brasil em agosto de 2022?

O valor do Auxílio Brasil em agosto foi para R$ 600,00. Até então, o benefício pagava o mínimo de R$ 400,00 para os contemplados. O aumento no repasse aconteceu depois que o Congresso Nacional promulgou a PEC (Proposta de Emenda à Constituição) que elevou o valor do auxílio.

Entre os meses de agosto, setembro, outubro, novembro e dezembro, os beneficiários vão receber R$ 600,00 de Auxílio Brasil. O acréscimo de R$ 200,00, conforme reportagem do g1, não entra no cálculo das parcelas retroativas, apenas nos meses de agosto a dezembro.

Vale ressaltar que a ampliação do valor do Auxílio Brasil só foi possível com a promulgação da PEC, que instituiu “Estado de Emergência” para que driblar as regras eleitorais, já que em ano de eleições, os governos não podem lançar novos benefícios.

A promulgação da proposta autorizou o Governo Federal a gastar R$ 41,2 bilhões para conceder benefícios mesmo faltando três meses para as eleições.

Segundo já informado pelo Ministério da Cidadania, o pagamento do Auxílio Brasil no valor de R$ 600,00 será feito da mesma forma como já vinha acontecendo, pela Caixa Econômica Federal. Não é preciso nova inscrição para ser contemplado pelos R$ 600,00.

Quem tem direito ao benefício?

Podem receber o benefício de R$ 600,00 todos aqueles que já estão inscritos no CadÚnico, principal banco de dados do Governo Federal, e se encaixam nos critérios abaixo:

  • Famílias em situação de extrema pobreza: aquelas com renda mensal por pessoa de até R$ 105,00;
  • Famílias em situação de pobreza: que têm renda mensal por pessoa entre R$ 105,01 e R$ 210 válido, desde que sejam compostas por gestantes, lactantes, adolescentes ou jovens até 21 anos;
  • Famílias que estão na regra de emancipação: aquelas que estavam estavam em situação de pobreza ou extrema pobreza, mas que conseguiram elevar a faixa de renda. Este caso é assegurado receber o benefício por até 2 anos;
  • Para receber o Auxílio Brasil, as famílias precisam estar inscritas no Cadastro Único (CadÚnico), e com cadastro atualizado há menos de 24 meses.

Antecipação do Auxílio Brasil mês de agosto 

A antecipação do Auxílio Brasil mês de agosto foi anunciada no último dia 25 de julho pelo Governo Federal. O calendário de pagamento para o mês de agosto seguirá as datas conforme o NIS.

NIS final 1: recebe dia 9 de agosto, terça-feira
NIS final 2: recebe dia 10 de agosto, quarta-feira
NIS final 3: recebe dia 11 de agosto, quinta-feira
NIS final 4: recebe dia 12 de agosto, sexta-feira
NIS final 5: recebe dia 15 de agosto, segunda-feira
NIS final 6: recebe dia 16 de agosto, terça-feira
NIS final 7: recebe dia 17 de agosto, quarta-feira
NIS final 8: recebe dia 18 de agosto, quinta-feira
NIS final 9: recebe dia 19 de agosto, sexta-feira

Apesar de haver a antecipação do Auxílio Brasil mês de agosto, o Governo Federal não definiu como serão os pagamentos dos próximos meses.

Por enquanto, tudo indica que de setembro a dezembro, os beneficiários devem receber conforme o calendário tradicional, com pagamentos sendo feitos a partir da segunda quinzena de cada mês.

  • Setembro: beneficiários recebem entre os dias 19 e 30;
  • Outubro: beneficiários recebem entre os dias 18 e 31;
  • Novembro: pagamentos acontecem entre os dias 17 e 30;
  • Dezembro: no último mês de Auxílio Brasil a R$ 600,00, os benefícios serão pagos entre os dias 12 e 23.

Veja também:

Cadastro Auxílio Taxista 2022: como receber até 6 parcelas

Você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.