Auxílio Brasil R$ 600: quando vai ser pago e datas atualizadas

A partir de outubro, o benefício começa a ser pago em nova data

Auxílio Brasil R$ 600 quando vai ser pago: a partir deste mês de agosto, todos os beneficiários do Auxílio Brasil vão receber a parcela de R$ 600.

O calendário foi alterado pelo Ministério da Cidadania, e já a partir do dia 9 de agosto, as famílias contempladas receberão o benefício conforme o número final do NIS (Número de Identificação Social).

O Auxílio Brasil de R$ 600 começa a ser pago este mês com novo calendário, no entanto, o Governo Federal não decidiu se nos próximos meses o pagamento também será antecipado. Lembrando que o Auxílio Brasil de R$ 600 será pago até dezembro.


O valor do Auxílio Brasil aumentou para R$ 600 graças à PEC (Proposta de Emenda à Constituição) que ampliou o valor do benefício e criou outros dois auxílios. A proposta, promulgada pelo Congresso Nacional, autorizava o Governo Federal a realizar estas mudanças mesmo sendo ano eleitoral, isso porque no texto tanto a Câmara Federal quanto o Senado aprovaram o estado de emergência.

Calendário Auxílio Brasil R$ 600 

O Auxílio Brasil de R$ 600 começa a ser pago no mês de agosto, entre os dias 9 até o dia 22. O adicional de R$ 200 para os beneficiários é uma medida aprovada no Congresso, mas com prazo final para ser paga.


Entre os meses de agosto até dezembro de 2022, todo beneficiário do Auxílio Brasil vai receber o valor mínimo de R$ 600. As parcelas serão pagadas dentro do calendário do programa e da mesma forma como já vinha ocorrendo, pelas contas digitais da Caixa através do aplicativo.

O Governo Federal antecipou apenas a primeira parcela de R$ 600 que será paga a partir do dia 9 de agosto. Até o momento, o Ministério da Cidadania não sinalizou como devem ficar os próximos meses. O calendário anterior previa o pagamento entre o dia 18 até 31 de agosto.

A data de pagamento do Auxílio Brasil em 2022 foi anunciada no início do ano pelo Ministério da Cidadania. No entanto, com a promulgação da PEC que ampliou o Auxílio Brasil para R$ 600 até dezembro, o Governo Federal antecipou o primeiro pagamento deste valor.

Apesar do Governo sinalizar que pode alterar o calendário para o recebimento do Auxílio Brasil R$ 600 acontecer sempre a partir da primeira quinzena do mês, apenas o mês de agosto teve esta antecipação.

Confira o calendário abaixo de acordo com o número final do NIS (Número de Identificação Social) do beneficiário:

  • Final do NIS 1 – recebe dia 9 de agosto
  • Final do NIS 2 – recebe dia 10 de agosto
  • Final do NIS 3 – recebe dia 11 de agosto
  • Final do NIS 4 – recebe dia 12 de agosto
  • Final do NIS 5 – recebe dia 15 de agosto
  • Final do NIS 6 – recebe dia 16 de agosto
  • Final do NIS 7 – recebe dia 17 de agosto
  • Final do NIS 8 – recebe dia 18 de agosto
  • Final do NIS 9 – recebe dia 19 de agosto
  • Final do NIS 0 – recebe dia 22 de agosto

Auxílio Brasil R$ 600: quem vai receber?

Quem pode receber o Auxílio Brasil de R$ 600 são todos aqueles beneficiários que já vinham sendo contemplados, desde que continuem seguindo as regras para manutenção do benefício.

Lembrando que podem participar do Auxílio Brasil aquelas famílias que estão em situação de pobreza ou extrema pobreza, desde que em sua composição tenham: gestantes, lactantes, crianças, adolescentes e jovens entre 0 e 21 anos incompletos.

O Governo Federal frisa que não há a necessidade de uma nova inscrição para receber o Auxílio Brasil de R$ 600, porque a parcela será paga automaticamente para as pessoas que estão inscritas no CadÚnico, principal base de dados para concessão de programas sociais.

Com a PEC (Proposta de Emenda à Constituição) que ampliou o valor do Auxílio Brasil R$ 600, também houve a sinalização do Governo Federal de que mais famílias seriam beneficiadas e a fila de espera do benefício seria zerado.

Veja abaixo quem tem direito a receber o Auxílio Brasil R$ 600:

Para ser contemplado com o benefício do Auxílio Brasil R$ 600, a principal regra é ter renda mensal por pessoa integrante da família dentro da faixa estabelecida pelo programa.

  • Tem direito a receber o Auxílio Brasil de R$ 600 a família que tem renda mensal por pessoa for de até R$ 105. Situação considerada, pelo programa, como extrema pobreza. Neste caso, a família tem direito independentemente de ter crianças ou adolescentes;
  • Tem direito a receber o Auxílio Brasil de R$ 600 a família que tem renda mensal por pessoa for entre R$ 105,01 até R$ 210. Situação que é considerada pobreza pelo Governo Federal. Neste caso, a concessão do benefício acontece desde que a família tenha gestante, crianças ou adolescente na composição;
  • Tem direito a receber o Auxílio Brasil se a família que estava dentro das faixas de renda acima, mas elevou o valor mensal porque um integrante começou a trabalhar com carteira assinada ou se tornou MEI (Microempreendedor Individual). Neste caso, a família se enquadra na regra de emancipação e tem direito ao benefício desde que a renda mensal per capita não ultrapasse R$ 525,00.

Qual o valor do Auxílio Brasil 2022?

O valor do Auxílio Brasil em 2022 até julho é de, no mínimo, R$ 400,00. Entre os meses de agosto até dezembro, o benefício será de R$ 600,00.

No entanto, a partir de 2023, a tendência é voltar ao valor de R$ 400,00, isso porque a a proposta promulgada tanto na Câmara Federal quanto no Senado ampliava o benefício temporariamente.

Vale ressaltar que quando se fala em valor mínimo é porque o piso permanente do Auxílio Brasil é um valor, entretanto o programa é formado por vários outros benefícios a depender do perfil da família.

Em outras palavras, o auxílio principal do Auxílio Brasil é de R$ 600,00 entre agosto e dezembro de 2022. Nestes meses, além de receber o mínimo de R$ 600,00, a família pode somar outros benefícios do Governo Federal, acompanhe:

  • Benefício primeira infância 130 reais: é o valor pago para famílias que tenham crianças com idade entre 0 e 36 meses incompletos, ou seja, de recém-nascidos até 2 anos, 11 meses e 29 dias;
  • Benefício composição familiar 65 reais: é o que o Governo Federal paga para famílias com gestantes, lactantes ou pessoas que têm entre entre 3 anos completos até 21 anos incompletos;
  • Benefício de superação da extrema pobreza: neste caso um valor a mais é pago para famílias que tenham renda per capita mensal, mesmo somando os benefícios anteriores, igual ou inferior ao valor da linha de extrema pobreza;
  • Benefício compensatório de transição: este benefício é concedido para as famílias que tiveram redução do valor recebido mensalmente na troca dos programas Bolsa Família para Auxílio Brasil.

O Auxílio Brasil é o nome do programa que substituiu o Bolsa Família. O programa tem o auxílio principal, mas é composto por vários benefícios a depender do perfil da família. Então, para saber quanto você vai receber é preciso somar os valores acima. Cada benefício é pago por integrante da família que se enquadre nos critérios exemplificados anteriormente.

Datas do pagamento

Conforme já explicado anteriormente, o Auxílio Brasil R$ 600,00 foi antecipado apenas no mês de agosto. Nos demais meses, de setembro a dezembro, o Ministério da Cidadania ainda não anunciou nenhuma mudança no calendário.

O que se tem até agora é o que foi anunciado no início de 2022, confira abaixo quando serão feitos os pagamentos de acordo com o número final do NIS do beneficiário em cada mês.

Beneficiários com final do NIS 1

Agosto: recebem dia 9 de agosto
Setembro: recebem dia 19 de setembro
Outubro: recebem dia 18 de outubro
Novembro: recebem dia 17 de novembro
Dezembro: recebem dia 12 de dezembro

Beneficiários com final do NIS 2

Agosto: recebem dia 10 de agosto
Setembro: recebem dia 20 de setembro
Outubro: recebem dia 19 de outubro
Novembro: recebem dia 18 de novembro
Dezembro: recebem dia 13 de dezembro

Beneficiários com final do NIS 3

Agosto: recebem dia 11 de agosto
Setembro: recebem dia 21 de setembro
Outubro: recebem dia 20 de outubro
Novembro: recebem dia 21 de novembro
Dezembro: recebem dia 14 de dezembro

Beneficiários com final do NIS 4

Agosto: recebem dia 12 de agosto
Setembro: recebem dia 22 de setembro
Outubro: recebem dia 21 de outubro
Novembro: recebem dia 22 de novembro
Dezembro: recebem dia 15 de dezembro

Beneficiários com final do NIS 5

Agosto: recebem dia 15 de agosto
Setembro: recebem dia 23 de setembro
Outubro: recebem dia 24 de outubro
Novembro: recebem dia 23 de novembro
Dezembro: recebem dia 16 de dezembro

Beneficiários com final do NIS 6

Agosto: recebem dia 16 de agosto
Setembro: recebem dia 26 de setembro
Outubro: recebem dia 25 de outubro
Novembro: recebem dia 24 de novembro
Dezembro: recebem dia 19 de dezembro

Beneficiários com final do NIS 7

Agosto: recebem dia 17 de agosto
Setembro: recebem dia 27 de setembro
Outubro: recebem dia 26 de outubro
Novembro: recebem dia 25 de novembro
Dezembro: recebem dia 20 de dezembro

Beneficiários com final do NIS 8

Agosto: recebem dia 18 de agosto
Setembro: recebem dia 28 de setembro
Outubro: recebem dia 27 de outubro
Novembro: recebem dia 28 de novembro
Dezembro: recebem dia 21 de dezembro

Beneficiários com final do NIS 9

Agosto: recebem dia 19 de agosto
Setembro: recebem dia 29 de setembro
Outubro: recebem dia 28 de outubro
Novembro: recebem dia 29 de novembro
Dezembro: recebem dia 22 de dezembro

Beneficiários com final do NIS 0

Agosto: recebem dia 22 de agosto
Setembro: recebem dia 30 de setembro
Outubro: recebem dia 31 de outubro
Novembro: recebem dia 30 de novembro
Dezembro: recebem dia 23 de dezembro

Você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.