Calendário do Auxílio Brasil: quando o benefício será pago?

Governo formalizou o pagamento das parcelas deste mês e de dezembro; veja as datas

O governo federal formalizou as primeiras informações sobre o calendário do Auxílio Brasil, que começa a ser pago já neste mês, a partir do 17. O programa é o substituto do Bolsa Família, criado em 2003 como ajuda assistencial para famílias em situação de pobreza e extrema pobreza e fez repasses até outubro deste ano. Saiba quais serão os valores e o calendário do Auxílio Brasil. 

No primeiro mês, o pagamento será exclusivo para as 14,6 milhões de famílias que já recebiam o Bolsa Família. Até dezembro, no entanto, o governo anunciou que espera aumentar a base de beneficiários para 17 milhões de pessoas. 

O calendário do Auxílio Brasil apresentado pelo governo comprovou a promessa de iniciar os pagamentos na próxima quarta-feira (17). A ordem dos repassem seguem o mesmo critério do Bolsa Família, pelo final do Número de Identificação Social (NIS).

Além do mês de novembro, foi divulgado o cronograma de dezembro. Os repasses serão entre os dias 10 e 23. 

Calendário de pagamento do Auxílio Brasil 

O pagamento do Auxílio Brasil é realizado número final do NIS. Quem recebia o Bolsa Família pode conferir as datas de recebimento em novembro:

NIS com final 1: pagamento em 17/11;

2: 18/11;

3: 19/11;

4: 22/11;

5: 23/11;

6: 24/11;

7: 25/11;

8: 26/11;

9: 29/11;

0: 30/11.

 

Veja o calendário do Auxílio Brasil em dezembro:

1: 10/12;

2: 13/12;

3: 14/12;

4: 15/12;

5: 16/12;

6: 17/12;

7: 20/12;

8: 21/12;

9: 22/12;

0: 23/12.

Além do calendário do Auxílio Brasil: Consulte quais os requisitos para acessar o benefício

Qual será o valor do benefício?

Em novembro, o valor médio do Auxílio Brasil será de R$ 217,18, valor que ultrapassa em 17,84% a mesma média do Bolsa Família. Já a partir de dezembro, a expectativa do governo é iniciar os repasses de R$ 400, prometidos desde a apresentação do projeto em agosto. 

Para ocorrer o aumento no valor é preciso a aprovação no Senado da PEC dos Precatórios, que vai liberar orçamento e viabilizar os repasses até dezembro de 2022. Caso isso aconteça, quem já estava na base de beneficiários este mês vai receber o valor da diferença junto com a segunda parcela, seguindo o calendário acima do Auxílio Brasil. 

Deixe um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes