Prova de vida INSS 2021: 6 alternativas para manter o benefício

Todo ano aposentados e pensionistas precisam comprovar que estão vivos para continuar recebendo o benefício. Para isso deve ser realizado a prova de vida INSS 2021, mas para facilitar a realização desse procedimento, foi sancionada a lei nº 14.199/2021, que pode ser conferida na edição desta sexta-feira, 3, do Diário Oficial da União.

Então, veja a seguir as principais formas de fazer essa comprovação. Confira ainda o calendário que prevê a retomada dos bloqueios de benefícios para aqueles que deixarem de fazer a prova de vida do INSS.

O que é a prova de vida INSS 2021?

A prova de vida INSS 2021 deve ser feita anualmente pelos segurados para garantir o pagamento do benefício, seja aposentadoria, pensão ou auxílio. A medida tem como objetivo evitar fraudes envolvendo a previdência, além do pagamento indevido.

Tradicionalmente, a prova de vida é realizada pelos bancos onde o segurado recebe o pagamento ou pelas agências do INSS. Devido à pandemia, o procedimento foi suspenso em março de 2020 para garantir a segurança dos segurados e servidores do INSS.

Em junho desse ano voltou a ser exigido, assim, foi estabelecido um cronograma escalonado para que os cidadãos possam cumprir com esta obrigatoriedade. 

A prova de vida pode ser suspensa?

Não há previsão de uma nova suspensão da prova de vida INSS 2021, isso porque, a nova lei sancionada pelo presidente veta o dispositivo que estabelecia a suspensão do procedimento até 31 de dezembro. Segundo justificou o presidente, o estado de emergência em saúde pública não é motivo para suspender a prova de vida.

- PUBLICIDADE -

Conforme ressaltou, existem outras formas de realizar esse procedimento conforme estabelece a nova lei. Além disso, a suspensão da comprovação também poderia causar o pagamento indevido dos benefícios previdenciários e dificultar a verificação dos segurados. 

Como posso realizar a prova de vida?

A lei autoriza que o segurado faça a sua comprovação de vida através de alternativas como a biometria, por atendimento domiciliar ou por meio de um representante legal. Diante disso, aquele que recebe benefício previdenciário deve realizar a prova de vida INSS 2021 no seu mês de aniversário, veja como fazer: 

Prova de vida por biometria no banco

Os beneficiários do Regime Próprio de Previdência Social podem comparecer presencialmente no banco onde recebem o pagamento. Algumas instituições bancárias oferecem alternativas, como Prova de Vida pelo caixa eletrônico ou por aplicativo móvel. O cidadão deve confirmar as opções disponíveis e o horário de funcionamento junto ao banco.

Quem tem mais de 80 anos ou dificuldade de locomoção receberá atendimento prioritário.

Prova de vida por biometria facial

O INSS também oferece a alguns beneficiários a prova de vida através da biometria facial realizada por meio do site ou aplicativo Meu INSS. Essa opção está disponível para aqueles que possuem seus dados registrados no Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) e do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). 

Prova de vida pelo app do banco

 Os bancos que pagam benefícios previdenciários também começam a oferecer opções para facilitar a realização da prova de vida. No Banco do Brasil, por exemplo, é possível fazer a prova de vida INSS 2021 através do aplicativo. Basta acessar o menu “Serviços” e procurar pela opção “INSS” e “Prova de vida INSS”. 

Prova de vida por meio de procuração

 a prova de vida também poderá ser realizada por representante legal ou por procurador do beneficiário. Para isso, é necessário que o responsável faça o cadastro no site do MEU INSS;

- PUBLICIDADE -

Prova de vida domiciliar

o beneficiário que tem idade acima de 80 anos e aqueles que possuem dificuldade de locomoção, podem fazer a comprovação de vida por meio  de atendimento domiciliar, quando necessário. Neste caso, o segurado deve solicitar a visita do servidor do INSS, por meio da Central Telefônica 135 ou no aplicativo Meu INSS. 

Prova de Vida pelo celular

Os beneficiários que já têm a biometria cadastrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) ou no Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) podem fazer a Prova de Vida Digital, ou seja, por meio do reconhecimento facial. O serviço está disponível no aplicativo Meu gov.br. As orientações estão disponíveis no aplicativo SouGov.br.

Quando devo fazer a prova de vida? 

Os segurados devem ficar atentos às datas de comprovação de vida que devem ser feitas este ano. Portanto, veja a seguir o calendário completo para não perder o prazo: 

Vencimento da prova de vida  Retomada de bloqueios 
Maio e junho/20 Jul/21
Julho e agosto/20 Ago/21
Setembro e outubro/20 Set/21
Novembro e dezembro/20 Out/21
Janeiro e fevereiro/21 Nov/21
Março e abril/ 21 Dez/21

 

O INSS também já liberou o calendário para que os segurados possam conferir quando fazer as provas de vida que vencem este ano. O calendário foi estabelecido pela Portaria nº 1.321/2021, confira:

- PUBLICIDADE -

Maio e junho/2021 Janeiro/2022
Julho e agosto/2021 Fevereiro/2022
Setembro e outubro/2021 Março/2022
Novembro e dezembro/2021 Abril/2022
Janeiro e fevereiro/2022 Maio/2022
Março e abril/2022 Junho/2022
Maio e junho/2022 Julho/2022
Julho/2022 Agosto/2022

 

 

LEIA TAMBÉM: Prova de vida INSS: veja novo calendário para não perder benefício

Comentários (0)
Comentar