Restituição Imposto de Renda 2021: como alterar a conta bancária para receber?

Faltam apenas dois lotes para que a Receita Federal finalize os pagamentos das restituições deste ano

Quando o contribuinte deixa de informar uma conta para que a Receita Federal faça o depósito da restituição do Imposto de Renda 2021, o dinheiro é enviado para o Banco do Brasil. Isso também pode acontecer se as suas informações bancárias estiverem erradas ou se a conta tiver sido encerrada pelo titular. 

Assim, o dinheiro fica disponível para resgate na instituição financeira por até um ano. Depois disso, retorna para a Receita Federal. Então, se você possui valores à receber referentes à restituição do IR, veja como alterar ou atualizar a conta para receber a sua restituição. 

Como saber se eu tenho direito?

A restituição do Imposto de Renda de Pessoas Físicas (IRPF) é liberada após o processamento da Declaração de Imposto de Renda (DIRPF). Sendo assim, quando o contribuinte tem valores a receber deve ficar atento aos períodos de consulta que são liberados pela Receita Federal.

O pagamento do quarto lote do IR 2021, por exemplo, já se aproxima: será feito na próxima terça-feira, dia 31. Então, para saber se a sua restituição já foi liberada nos três primeiros lotes, é necessário consultar o extrato da declaração do imposto de renda.

Essa consulta também vale se você possui valores que não foram recebidos nos pagamentos feitos em anos anteriores. Para isso, acesse a plataforma Meu Imposto de Renda que está disponível através do Portal e-CAC e informe dados pessoais.

Utilize um certificado digital ou código de acesso que pode ser gerado na própria plataforma, depois, faça o seguinte procedimento:

  • clique em Declarações e Demonstrativos; 
  • selecione a opção Extrato da DIRPF;
  • escolha o ano que deseja consultar;
  • faça a emissão do extrato;

Como alterar a conta para receber a restituição do Imposto de Renda?

Para alterar os dados bancários e receber a sua restituição do imposto de renda 2021, acesse novamente a plataforma do Imposto de Renda. Na seção “Restituição” e, depois, em “Consultar e Alterar Conta para Crédito de Restituição”. Informe os dados como nome/número do banco, agência e uma conta-corrente ou poupança.

Feito isso, confirme. Este ano também podem ser informadas contas digitais  que são oferecidas por Fintechs, assim, a sua restituição será paga automaticamente pela Receita Federal nas datas de pagamento dos próximos lotes.

Pode receber restituição em conta de terceiros?

Não! Saiba que isso não é possível, pois, ao fazer o pagamento da restituição a Receita Federal cruza o CPF do declarante com a conta bancária que foi informada na declaração. Então, se houver alguma diferença nestas informação, o dinheiro não será pago.

Então, lembre-se que o titular da conta deve ser o próprio contribuinte, mas existe uma exceção: quando a conta for conjunta e os titulares informaram os dados nas declarações que foram apresentadas à Receita Federal. Isso pode acontecer com casais que possuem esse tipo de conta.

Restituição do imposto de renda liberada

Se você verificou no extrato que a sua restituição do imposto de renda 2021 foi liberada e está na situação “Disponível para reagendamento”, a orientação é entrar em contato diretamente com o Banco do Brasil para informar sua conta e solicitar o pagamento. O atendimento é feito através dos seguintes telefones:

  • 4004-0001 (capitais)
  • 0800-729-0001 (demais localidades)
  • 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos)

Para isso, tenha em mãos seus dados pessoais e da conta para onde você quer enviar o dinheiro. Caso prefira, também é possível fazer o saque nas agências fazendo o agendamento prévio. 

Restituição não resgatada

Como vimos, após um ano o dinheiro que não é resgatado na rede bancária retorna para a Receita Federal. Então, se você não sacou o dinheiro nesse período deverá acessar a plataforma Meu Imposto de Renda e seguir os passos:

  • clique na seção Restituição e Compensação;
  • escolha a opção “Solicitar restituição não resgatada na rede bancária”;
  • informe a conta bancária que será usada para receber os valores (o titular da conta deve ser o próprio contribuinte e a conta deve ser do tipo conta-corrente ou poupança);
  • finalize a solicitação;

Feito isso, acompanhe o processamento através do extrato da declaração do imposto de renda no portal e-CAC. Além de poder acessar as informações pelo computador, esse passo a passo pode ser feito através de um aparelho celular, basta acessar o aplicativo Meu Imposto de Renda. Depois de serem liberados, os valores serão depositados na conta bancária informada no pedido eletrônico do contribuinte. 

Cronograma da restituição do imposto de renda 2021

Para aqueles que estão aguardando a liberação da restituição do imposto de renda 2021, saiba que os pagamentos se estendem até o mês de setembro. Assim, acompanhe o cronograma da restituição do imposto de renda que já liberou os seguintes lotes: 

  • Primeiro lote de restituição: pagamento realizado no dia 31 de maio. Foi liberado o crédito bancário para 3.446.038 contribuintes  totalizando o valor de  R$ 6 bilhões;
  • Segundo lote de restituição: pagamento realizado no dia 30 de junho, para 4.222.986 contribuintes no valor de R$ 6 bilhões;
  • Terceiro lote de restituição: pagamento realizado no dia 30 de julho, contemplando 5.068.200 contribuintes, no valor de R$ 5,8 bilhões;
  • Quarto lote de restituição: pagamento será feito no dia 31 de agosto, para 3.819.743 contribuintes. Serão depositados RS 5,1 bilhões;
  • Quinto lote de restituição: pagamentos será feito no dia 30 de setembro. O número de contribuintes e o valor desse lote ainda serão divulgados pela Receita Federal. 

 

LEIA TAMBÉM:

Restituição do Imposto de Renda: confira se você está no 4º lote

Deixe um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes