Andrés Sanchez deixa presidência do Corinthians

Mandatário pediu afastamento do cargo na reta final de seu mandato, para poder homenagear seus vices; próxima eleição do Corinthians ocorre no dia 28 de novembro.

Andrés Sanchez pediu afastamento e não é mais presidente do Corinthians. Conforme prometido, o mandatário pediu licença do cargo nesta quarta-feira (11), até o dia 30 de novembro, e um de seus vices, Alexandre Husni, assume a presidência.

Sanchez  quer homenagear cada um de seus vices, deixando que os mesmos atuem como presidentes do clube até o final de seu mandato. No dia 28 deste mês, os sócios do alvinegro elegem quem será o novo ocupante do cargo pelos próximos três anos – começando em janeiro de 2021.

Por conta da iniciativa de Andrés Sanchez, no mês de dezembro ele pedirá novamente um afastamento – já que este termina no dia 30 – e Edna Murad, a outra vice-presidente, assumirá o controle do clube até o início do ano que vem, quando o novo presidente assume.

Entretanto, o pedido de afastamento de Andrés Sanchez não o tira do clube. De acordo com nota divulgada pelo Corinthians, ele segue acompanhando o time em viagens e atuará como de diretor de futebol.

Quem será o próximo presidente do Corinthians, depois de Andrés Sanchez ?

O Timão atualmente possui três candidatos para assumir o cargo de presidente na próxima temporada. São eles: Duílio Monteiro Alves – que era diretor, mas deixou o cargo justamente para concorrer às eleições – o ex-mandatário Mario Gobbi e Augusto Melo.

As eleições para saber quem assume o clube após Andrés Sanchez, acontecem no dia 28 deste mês, e os sócios do clube decidem quem será o próximo presidente.

Duílio monteiro alves, ex-diretor de futebol do corinthians, é um dos candidatos à presidência
Duílio monteiro alves, ex-diretor de futebol do corinthians, é um dos candidatos à presidência (foto: marco galvão)

Próximos jogos

Dentro de campo, o Timão retorna a campo neste sábado pelo Campeonato Brasileiro. A equipe do Parque São Jorge recebe o Atlético MG na Neo Química Arena, às 19h.

Há três jogos sem perder, o time de Mancini busca a vitória, mas para subir para a primeira parte da tabela. Atualmente, o Timão ocupa a 11ª posição.

Você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.