Mancini assume o Corinthians três anos após áudio que irritou alvinegros

O técnico Vágner Mancini foi o nome escolhido pelo presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, para tentar tirar o time da zona de rebaixamento

0 303

O técnico Vágner Mancini foi o nome escolhido pelo presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, para tentar tirar o time da zona de rebaixamento. No entanto, os dois já trocaram farpas por causa de um áudio vazado em 2017, ano em que o alvinegro conquistou o hepta do Brasileirão.

Áudio polêmico

No Brasileirão daquele ano, o Vitória, então comandado por Vágner Mancini, venceu o Corinthians por 1 a 0 na Neo Química Arena, encerrando uma invencibilidade de 34 partidas. Na entrevista coletiva após o jogo, o técnico rebateu a pergunta do repórter Felipe Garraffa sobre o baixo número de posse de bola e finalizações do time baiano.

Mancini questionou se o jornalista tinha visto o mesmo jogo, e insinuou que ele era corintiano. Mais tarde, surgiu uma conversa vazada no WhatsApp em que o treinador comenta sua resposta ao repórter. “Ganhar do Corinthians é ótimo, somar três pontos nem se fala, mas dar uma patada num jornalista babaca e corintiano, nem se fala”, disparou o técnico.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Troca de farpas com Andrés

A fala de Vágner Mancini pegou mal entre os corintianos. Na época, Andrés Sanchez não presidia o clube, mas se manifestou sobre a polêmica. “Falar para o treinador do Vitória, não vou nem falar o nome dele. Que ele se preocupe em ganhar os jogos dele, não só do Corinthians. Está rodando um áudio dele aí falando muito mal do Corinthians e isso não é bom para o futebol brasileiro”, declarou Andrés.

Depois da repercussão negativa do áudio vazado, Vágner Mancini divulgou uma nota oficial pedindo desculpas ao Corinthians. “A todos da torcida do Corinthians, saibam que meu sentimento sempre foi e será de máximo respeito. Por isso, liguei para o presidente do clube, Roberto de Andrade. Esclareci o fato e pedi desculpas se ofendi a instituição e a torcida. Em momento algum quis insultar o Corinthians e seus torcedores”, escreveu o treinador.

Mancini no Corinthians

Mancini no Atlético-GO
Divulgação/Atlético-GO

Três anos depois do polêmico áudio, Vágner Mancini é o escolhido por Andrés Sanchez para assumir o comando do Corinthians. Ele estava no Atlético-GO, que faz boa campanha no Brasileirão e ocupa a 12ª posição. Ele chega para tentar tirar o alvinegro da zona de rebaixamento após a derrota para o Ceará.

Vágner Mancini então assume o lugar de Dyego Coelho, técnico interino que disputou sete jogos após a demissão de Tiago Nunes. Segundo a ESPN, a estreia de Mancini no Corinthians será na partida contra o Athletico-PR, na quarta-feira (14), em Curitiba.

Carreira de Vágner Mancini

O ex-jogador de 53 anos foi campeão da Libertadores com o Grêmio, em 1995. Como treinador, ganhou destaque nacional pela primeira vez quando conquistou o título da Copa do Brasil com o Paulista de Jundiaí, em 2005.

Mas não é a primeira vez que Vágner Mancini tem a oportunidade de treinar um grande clube do futebol paulista. Ele já passou por Santos e São Paulo, além de outros times como Grêmio, Vasco, Botafogo, Cruzeiro e Atlético-MG.

Por outro lado, se a missão de Mancini no Corinthians é livrar o time do Série B, seu retrospecto não é dos melhores. Ao longo da carreira, portanto, o técnico participou de cinco rebaixamentos: Guarani (2010), Ceará (2011), Sport (2012), Botafogo (2014) e Vitória (2018). Mas, em 2011, ele ajudou a evitar a queda do Cruzeiro, e fez o mesmo com o Athletico-PR no Brasileirão de 2013.

Elogios de Andrés a Mancini

“O Mancini tem história, é vitorioso, fez bons trabalhos, tem muitas notícias do Corinthians e acompanha futebol. Espero que venha e venha fortemente para mudar essa situação”, resumiu Andrés Sanchez sobre a contratação do novo técnico.

Assim, Vágner Mancini supera nomes como Felipão, Dunga e Dorival Júnior, alguns dos treinadores livres no mercado que foram especulados para assumir o Corinthians. No entanto, a diretoria alvinegra optou por um treinador que já vinha fazendo um bom trabalho em outro clube da Série A. Afinal, o Atlético-GO está à frente do Corinthians no Brasileirão, e eliminou o Fluminense na Copa do Brasil.

Informar Erro

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes