Mercedez-Benz fecha fábrica de automóveis no Brasil

Um dos fatores que motivou a companhia a sair do país foi a crise econômica causada pela pandemia do novo coronavírus.

Nessa quinta (17), a empresa de veículos Mercedez-benz afirmou que vai fechar sua fábrica de automóveis no Brasil, que fica na cidade de Iracemápolis (SP). A planta da empresa foi inaugurada em 2016 e vai ser fechada. Um dos fatores para o fechamento, é a situação atual do Brasil, pois a economia foi fortemente afetada pela crise da COVID-19, segundo a matriz da companhia. A unidade era a única no Brasil voltada à produção de automóveis leves. A fábrica era a responsável pela produção dos modelos Classe C e GLA da marca.

Funcionários Mercedez-benz

A fábrica em Iracemápolis tinha 370 funcionários. Mas de acordo com a Mercedes, a empresa “irá buscar alternativas para os empregados, incluindo a possibilidade de um programa de demissão voluntária e outras possibilidades que serão avaliadas em um futuro próximo”.

Além disso, em nota, a Mercedes reforçou que os modelos de Iracemápolis (SP) serão substituídos por importados sem nenhum ônus às concessionárias. “Nosso primeiro objetivo agora é encontrar uma solução sustentável para os colaboradores dessa unidade”, concluiu.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

“A situação econômica no Brasil tem sido difícil por muitos anos e se agravou devido à pandemia da Covid-19, causando uma queda significativa nas vendas de automóveis premium. Ao longo do nosso processo de transformação, continuamos a reestruturar a nossa rede de produção global. Aumentar nossa eficiência, otimizando a nossa capacidade de utilização é um facilitador importante. Por isso, decidimos encerrar a produção de automóveis premium no Brasil”, afirma Jörg Burzer, Membro do Board da Mercedes-Benz AG, Produção e Cadeia de Suprimentos.

Classe C Mercedez-benz
Modelo Classe C (Foto: Mercedez-benz)

Outras fábricas

A empresa ainda tem duas fábricas no Brasil, a de São Bernardo do Campo (SP), responsável por fazer caminhões e chassis de ônibus, e a de Juiz de Fora (MG), onde são feitas cabinas de caminhões. Segundo a Mercedez-benz a decisão de fechar a fábrica no interior de São Paulo não altera em nada as produções nos outros dois locais.

Informar Erro

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes