Grife vende bolsa em formato de croissant por R$ 9 mil

Quanta massa você gastaria com pão?

A marca de grife Moschino, na coleção de Jeremy Scott, decidiu reviver um estilo de bolsas dos anos 2020. O estilo ousado é feito para se parecer literalmente com baguetes e croissants. Você teria coragem de usar uma bolsa em formato de pão?

Quanto custa a bolsa formato croissant?

Embora pareça bizarro para alguns, a grife italiana cobra pelas peças um preço salgado. Só no site Farfetch, o valor da bolsa transversal Croissant está custando R$ 9.649, mas pode ser parcelado em até 12 vezes.

Já a bolsa Baguette Bag, pode custar US$ 1,240 ou R$ 6.400. Assim como a Croissant, ela é feita com couro sintético, acessório ainda contém o nome da marca banhado a ouro. A coleção pertence ao lançamento de outono/inverno.

O sucesso do modelo não é de hoje. Quando as bolsas estrearam nos anos 2000, se tornou uma febre, principalmente com a série americana ‘Sex in The City’. Graças a personagem Carrie Bradshaw, interpretada por Sarah J. Parker, que usava a bolsa Fendi Baguette na série, o acessório passou a ser muito procurado na época.

Moschino e bolsas “comestíveis” – bolsa formato croissant

Anteriormente, a marca já havia lançado outros modelos lúdicos, para aqueles que gostam de um estilo mais ousado e diferente de investir na moda. Além da padaria, a grife também investiu nas “guloseimas”, e lançou bolsa em formato de casquinha de sorvete, batatas fritas, copo de refrigerante, balde de pipoca, bala, fatia de laranja, entre outros.

Tendência Muscle Tee para 2020

A tendência das blusas Muscle Tee, que significa “camiseta músculo”, de forma literal, chega com força em 2020. A roupa tem como ser usada de forma casual, chique e também no estilo chique.

 Apesar de ser básica, a peça foge do óbvio e pode ser usado de várias maneiras. A peça que vem dos anos 80, nada mais é do que uma blusa sem mangas, que deixa os braços em evidência.

Você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.