CVM aprova e B3 terá o primeiro ETF de criptomoedas

Comissão de Valores Mobiliários permitiu a listagem do primeiro ETF de criptomoedas do Brasil, que deve ser oferecido pelo Banco Itaú e BTG Pactual

A Hashdex Gestora de Recursos e o Banco Genial S.A. anunciaram nesta quarta-feira, 17, que irão oferecer o primeiro ETF de criptomoedas no Brasil. A oferta foi aprovada pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM) e também conta com parceria do Banco Itaú e do banco de investimentos BTG Pactual. É o primeiro produto do tipo disponível no país

Comunicado da CVM informa que o produto será negociado com o nome Hashdex Nasdaq Crypto Index e será o primeiro do tipo a ser negociado na B3, com o ticker HASH11

“Oferta terá como público-alvo investidores em geral. As cotas serão registradas na B3 para fins de depósito eletrônico, distribuição, liquidação financeira e negociação no mercado secundário sob o ticker `HASH11`.”, destacou a Hashdex.

Retorno – primeiro ETF de criptomoedas

A Hashdex também informou que o objetivo do ETF será o de “buscar retorno de investimentos que correspondam, de forma geral, à performance em reais do Nasdaq Crypto Index – CNI”

Desenvolvido em conjunto pela Nasdaq e pela Hashdex, o índice é rebalanceado a cada três meses e conta com seis criptomoedas: Bitcoin, Ethereum, Stellar, Litecoin, Bitcoin Cash e Chainlink. 

Mais informações sobre o índice podem ser encontradas no site oficial

Ainda não há detalhes quanto à forma como o fundo será ofertado pelo Itaú e o BTG. No entanto,  a Hashdex diz que “todas as informações serão divulgadas oportunamente no futuro site do ETF, que será o canal de informações oficiais do ETF”. 

O produto deve estar disponível para negociação ainda neste mês. No LinkedIn, o Head da BTG Pactual Digital, Marcelo Flora, já havia dado dicas da novidade.

“Os clientes terão a chance real de investir em Bitcoin de forma simples, segura e prática com o apoio do BTG Pactual, que será o primeiro banco de investimentos do Brasil a oferecer um fundo de criptomoeda para o varejo”, disse na rede social.

ETF: saiba o que é e como você pode investir em um

Você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.