Litecoin: saiba se a criptomoeda é mais rápida e segura que o Bitcoin

O Litecoin sempre figurou entre as 10 criptomoedas com maior valor de mercado. Por este motivo, muitos questionam quais suas vantagens em relação ao Bitcoin.

0 309

O Bitcoin é regularmente denominado de “ouro digital”, pois busca atuar como uma reserva segura. Deste modo, surgiu a ideia da “prata digital” para o Litecoin, uma moeda com menor valor para transações do dia-a-dia. Nesse sentido, é correto afirmar que o Litecoin é mais rápido que o Bitcoin.

Por conta do código-fonte público do software Bitcoin, qualquer um consegue criar sua própria criptomoeda. De fato, ao longo dos 11 anos de sua história surgiram diversas criptomoedas alternativas, conhecidas como altcoins.

O que é Litecoin?

O Litecoin não foi a primeira altcoin, mas é a de maior valor dentre as antigas. Diante disso, desde seu lançamento no final de 2011, a criptomoeda se apresenta como um complemento ao Bitcoin.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Sem dúvida, as moedas de prata sempre foram utilizadas como o dinheiro para pagamentos cotidianos. Embora quase inacreditável, nos Estados Unidos foram produzidas até 1965. Enquanto isso, o ouro funcionava para grandes valores, ou reservas financeiras. 

Portanto, a ideia do criador do Litecoin, Charlie Lee, era que a criptomoeda mantivesse essa mesma relação com o Bitcoin. Deste modo o Litecoin guarda mais semelhanças do que diferenças com a criptomoeda líder do mercado. 

Nesse sentido, possui uma rede descentralizada blockchain, além de usar criptografia para assegurar as remessas sem intermediários. Da mesma forma, possui um limite na emissão de moedas, que no Litecoin é de 84 milhões contra os 21 milhões do Bitcoin. 

Quem é Charlie Lee?

Charlie Lee, cirador do Litecoin, com fundo azul escuro e logotipo da criptomoeda

Ao contrário do anônimo Satoshi Nakamoto, o misterioso criador do Bitcoin, Charlie Lee é uma figura pública, e até hoje segue envolvido com o desenvolvimento do Litecoin.

Charlie Lee nasceu na Costa do Marfim, e emigrou para os Estados Unidos aos 13 anos. Foi lá, inclusive, que se formou como Cientista da Computação pela renomada universidade MIT. Em vista disso, após alguns anos atuando em empresas de tecnologia, Charlie Lee conheceu o Bitcoin. Em seguida iniciou sua imersão no segmento.

Diferenças para o Bitcoin

Embora mais de 90% do código-fonte de seu software seja copiado do Bitcoin, o Litecoin fez algumas modificações importantes:

Algoritmo de mineração

Buscou tornar a mineração mais acessível, demandando menos recursos computacionais. Essa mudança, porém, só teve efeitos nos primeiros anos. Atualmente os equipamentos de mineração do Litecoin são caros e complexos, semelhante aos do Bitcoin.

Intervalo entre os blocos

No Bitcoin, cada bloco é minerado em média a cada 10 minutos, enquanto no Litecoin esse tempo é de 2 minutos e meio. Certamente, essa diferença faz com que suas transações sejam mais rápidas. No entanto, esta velocidade é questionável, pois no Bitcoin também são instantâneas.

Vantagens do Litecoin

Velocidade: por ter blocos produzidos mais rapidamente que o Bitcoin, o Litecoin se torna mais atraente para pequenas transações do dia-a-dia. Em virtude disto, não há necessidade de um alto grau de confiança.

Taxas mais baixas: uma vez que há mais blocos para inserir transações, a competição nas taxas é menor. Desta maneira, os custos de transação cobrados pelos mineradores são reduzidos.

Evolui mais rapidamente: o Litecoin tem menos desenvolvedores e pessoas envolvidas nas decisões, além de contar com Charlie Lee como mentor. Consequentemente, sua agilidade para implementar mudanças é muito maior que o Bitcoin.

Problemas do Litecoin

Cada novo bloco minerado cria um grau a mais de segurança nas transações já registradas. No entanto, o poder de mineração da rede Litecoin é cerca de 100 vezes menor que do Bitcoin. Deste modo, é necessário esperar mais tempo na criptomoeda alternativa para valores maiores.

Como consequência, as exchanges e intermediadores de pagamento exigem um número maior de confirmações para depósitos no Litecoin. Mediante o exposto, no Mercado Bitcoin, são exigidas 3 confirmações de Bitcoin, ante 12 confirmações de Litecoin. Desta maneira, em média, ambas as transferências são creditadas no mesmo prazo de 30 minutos.

Problemas do Bitcoin

Escalabilidade e fungibilidade são atualmente as principais questões em debate no Bitcoin. A primeira refere-se sobretudo ao aumento da capacidade de transações por segundo. Em seguida, a fungibilidade busca garantir que não exista distinção entre as moedas circulando na rede.

O Litecoin pretende resolver isto através da integração do protocolo MimbleWimble, que também é utilizado nas moedas BEAM e Grin. Embora seja uma tecnologia recente, em caso de sucesso, conseguirá dar mais privacidade e agilidade nas transações do Litecoin.

Onde comprar Litecoin?

Por conta de sua natureza descentralizada, é possível negociar Litecoin livremente entre seus usuários. No entanto, as corretoras, ou exchanges de criptomoedas, concentram um grande número de interessados na negociação de Litecoin. Além disto, existe o benefício da segurança no ato da liquidação, a entrega dos valores.

Quer se aprofundar ainda mais? No vídeo abaixo as meninas da @usecripto exploram um pouco mais esta criptomoeda.

 

Informar Erro

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes