Mundo tem 1 milhão de mortos pela Covid-19; Brasil é o segundo com mais óbitos

O Brasil é o segundo país com mais óbitos: mais de 142.000 morreram com coronavírus no país. 

0 398

Mais de 1 milhão de pessoas morreram de coronavírus em todo o mundo, marcando outro marco na história breve, mas devastadora da pandemia de Covid-19. A contagem sombria foi alcançada em menos de nove meses desde que a primeira morte causada pelo vírus foi confirmada pelas autoridades chinesas na cidade de Wuhan.

Mortes por Covid-19 no mundo

Desde então, o vírus perturbou a vida cotidiana de bilhões de pessoas em todo o mundo e causou danos econômicos generalizados. Mais de 33 milhões de casos foram confirmados em todo o mundo e os surtos continuam a assolar muitos países.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

A Europa, que se tornou o segundo epicentro do vírus depois da China, impôs restrições generalizadas aos movimentos das pessoas na primavera em um esforço para conter sua disseminação. Embora as medidas tenham tido algum sucesso, vários países que foram gravemente afetados no início – como França , Espanha e Reino Unido – agora estão lutando para conter uma segunda onda.

Os Estados Unidos, com mais de 7 milhões de casos de Covid-19 e mais de 205.000 mortes de acordo com dados da Universidade Johns Hopkins, foram o país mais afetado em geral.

O Brasil é o segundo país com mais óbitos: mais de 142.000 morreram com coronavírus no país. 
Mortes por Covid-19 no mundo

Pandemia no Brasil

O boletim diário do Ministério da Saúde, divulgado nesta segunda-feira (28), revela que o Brasil registrou 4.745.464 casos confirmados do novo coronavírus desde o início da pandemia.

Desse total, 3% dos casos resultaram em morte (142.058); 10,9% dos pacientes estão em tratamento (519.224); e 86,1% dos brasileiros que contraíram covid-19 estão recuperados (4.084.182).

Nas últimas 24 horas, foram registrados 317 óbitos e 13.155 novos casos. Os casos são menores aos domingos e segundas-feiras pelas limitações de alimentação da base de dados pelas equipes das secretarias de saúde. Já às terças-feiras, o número tem sido maior pelo envio dos dados acumulados do fim de semana.

As autoridades de saúde ainda investigam se outras 2.533 mortes foram provocadas por coronavírus.

Informar Erro

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes