Aprenda como fazer um boletim de ocorrência pelo celular ou pelo computador

Na grande maioria dos casos, não é mais necessário se deslocar até uma delegacia de polícia para registrar uma ocorrência: você pode fazer isso através do computador ou celular.

Fazer um boletim de ocorrência, também conhecido como B.O., é a primeira ação a se tomar diante de uma série de situações de risco. Isso porque ele é o documento oficial utilizado pelos órgãos policiais do Brasil documentar crimes. Sendo assim, é através dele que o fato é oficializado diante das autoridades.

Antigamente, fazer um boletim significava ir até uma delegacia para dar seu depoimento a um policial. Porém, hoje em dia as coisas são muito mais simples! Você pode registrar o acontecimento através do site da polícia ou de um aplicativo para celular.

O que já facilitava a vida das pessoas em tempos normais tornou-se uma questão de saúde em época de pandemia, evitando aglomerações nas delegacias. Saiba quando fazer o boletim de ocorrência e aprenda a fazê-lo sem sair do conforto do seu lar.

 

Quando fazer

 

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

É importante fazer o boletim de ocorrência nas ocasiões de:

  • Desaparecimento de pessoa
  • Roubo/furto de veículo
  • Roubos em que não haja danos e/ou vítima de lesão e morte
  • Furto ou perda de celular, documentos ou veículo
  • Encontro de pessoa desaparecida
  • Injúria, calúnia ou difamação
  • Acidente de trânsito sem vítima

Contudo, há casos em que o boletim terá de ser feito presencialmente, especialmente diante de situações de maior gravidade.

 

Como fazer um boletim de ocorrência pelo celular

 

Recentemente, ficou muito mais rápido e fácil de se fazer um boletim de ocorrência. Graças ao aplicativo da Delegacia Virtual tudo de que você precisa é de um celular com internet.

O Serviço Federal de Processamento de Dados lançou o app no final de 2019. Ele foi desenvolvido junto com o Ministério da Justiça e Segurança Pública.

Primeiramente, a vítima deverá baixar o aplicativo Delegacia Virtual no celular e instalá-lo. Em seguida, precisa inserir seu CPF e enviar uma foto de si mesma.

Após, deve gravar um áudio descrevendo o fato. Lembre-se de incluir todos os detalhes que achar importante. Depois disso, o tipo de crime será dado pelo próprio aplicativo, através de um sistema de inteligência artificial.

O aplicativo também interage com o GPS do aparelho, detectando geolocalização do boletim de ocorrência. Assim, a polícia pode saber o local exato em que o crime aconteceu. Dependendo do tipo de crime cometido, pode ser que a vítima tenha de ir até a delegacia também. Dessa forma, os policiais poderão fazer perguntas e recolher mais informações que lhes ajude a lidar com a situação.

O aplicativo faz parte da iniciativa “Procedimentos Policiais Eletrônicos”, que já está em funcionamento desde 2017. A intenção do projeto é facilitar a administração das rotinas e procedimentos da polícia, através do uso da tecnologia. Assim, espera-se que esse tipo de processo mais burocrático tome menos tempo dos policiais.

 

fazer um boletim de ocorrência 2
Imagem: Reprodução / Pixabay

 

Como fazer um boletim de ocorrência pelo computador

 

A vantagem de fazer o boletim de ocorrência pelo computador é que você não precisa instalar nenhum aplicativo ou programa nele. Logo, você apenas terá de abrir o seu navegador e buscar o site da Polícia do estado ou cidade em que o problema aconteceu.

Por isso, o passo a passo para fazer o processo pelo computador pode variar de um lugar para o outro. No entanto, geralmente você começará pelos seus dados pessoais. Sendo assim, tenha em mãos seu número de RG, CPF, endereço completo com CEP, e-mail e número de telefone.

Depois de completar os campos dos seus dados, você terá de descrever o acontecimento por escrito com o máximo de detalhes possível. Mas não se preocupe: caso os policiais tenham alguma dúvida, suas informações estarão no sistema.

Assim, a polícia entrará em contato com você para tirar dúvidas, se for necessário. Lembre-se de jogar limpo: não exagere, aumente ou omita nenhum fato. Afinal, essas práticas são penalizáveis por lei.

Após o registro, o boletim será analisado por um policial. Posteriormente, você receberá o retorno por e-mail com uma cópia do boletim como ele está no sistema da polícia. Imediatamente, salve-o em seu computador. Você pode precisar desse documento em algum momento.

Tanto para fazer o boletim no aplicativo quanto para fazer no computador, a vítima deve ser maior de 18 anos. Logo, em caso de menores, ele poderá ser feito pelos pais ou responsáveis da criança.

Informar Erro

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes