Logística: entenda o que é e quais são os tipos de serviço

Logística é processo geral de gerenciamento de como os recursos são adquiridos, armazenados e transportados até seu destino final, e pode ser a receita mais eficaz de sucesso de uma marca.

0 233

Se você tem uma loja ou ainda pretende ter, é indispensável pensar em uma logística que não manche a imagem de sua marca. Para isso, é importante ter uma logística bem formada, de maneira que todo o processo de compra do seu cliente seja um sucesso.

Isso porque, quando o cliente recebe a compra dentro do tempo combinado (quanto mais rápido melhor), e não tem nenhum problema com o produto, as chances do consumidor voltar a comprar com a marca aumenta.

Mesmo que o preço esteja mais alto que na concorrência, você ainda tem chance de sair na frente, pois o cliente já comprou em sua empresa uma vez e não teve nenhum problema. Isso tudo é resultado logística que funcionou. Portanto, essa é a importância de contar com uma administração planejada e eficiente. A seguir, entenda o que é o serviços, quais os tipos e como escolher o melhor para o seu negócio.

O que é logística?

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Logística é a administração planejada da armazenagem e estoque, transporte e demais operações que têm o objetivo de tornar eficiente o processo de compra de um cliente, desde seu princípio (quando fecha a venda), até a entrega do produto no endereço combinado.

Você pode optar por organizar a logística própria ou contratar uma empresa especializada para isso. Existem diversas empresas que se especializam em prestar serviços de logística para outras, já que é algo não tão fácil de se fazer, o que acaba incentivando os empresários a terceirizar o serviço e contratar uma empresa já com experiência no mercado.

Como funciona?

Para funcionar, a logística se baseia em duas etapas: Armazenagem e transporte. Na armazenagem está incluso tudo que está relacionado ao estoque e processo de recebimento e separação do pedido. O transporte está encarregado de entregar o pedido no endereço combinado com o cliente.

Armazenagem (estoque)

A armazenagem está responsável por praticamente todo o processo de logística. Desde o pedido até o processo de postagem do produto nos Correios ou transportadora combinada.

Geralmente, a ordem de trabalho é assim: Atendimento do cliente (caso não seja um processo automático, como por exemplo um e-commerce), separação e embalagem do pedido, geração da nota fiscal e postagem do produto para que seja iniciada o processo de entrega.

Além disso, a área também está encarregada pelo controle de estoque, geralmente através de softwares que facilitam esse processo.

Transporte dos produtos

O transporte dos produtos é extremamente importante para que uma empresa ganhe a confiança de seus clientes. Antes de tudo, para decidir qual a melhor empresa para confiar as entregas é recomendado pesquisar e verificar a reputação das prestadoras do serviço.

Quais são as empresas de logística e como escolher?

Há várias opções no mercado. A mais conhecida é o Correios, mas também há as transportadoras que costumam cobrar um preço e ainda oferecerem uma entrega mais rápida (o que pode deixar seus clientes mais satisfeitos).

Antes de tudo, é necessário decidir a área de atuação. Municipal, estadual, nacional ou internacional. Caso seja municipal, estadual ou nacional, será mais fácil encontrar uma transportadora, já que precisará apenas de uma empresa que tenha veículos terrestres a sua disposição, como por exemplo moto, carro ou caminhão de transporte. Agora, se fizer entregas internacionais, será necessário ter uma empresa que conte com uma frota de aviões e/ou navios.

O ideal é que você ofereça pelo menos 2 opções de transporte para o seu cliente. Uma delas pode ser o Correios, pois diversas pessoas preferem escolher uma opção que já conhecem. A outra deve ser uma transportadora, por ser mais eficiente que o Correios em questão de valor e tempo de entrega.

A própria transportadora costuma oferecer mais de uma opção de entrega. Quanto mais rápido, maior o valor. Dessa forma, você poderá deixar seu cliente escolher entre pagar um pouco mais e receber a mercadoria mais rapidamente ou pagar menos e esperar mais para receber a compra feita.

Com uma boa empresa de transporte a sua disposição, as chances de tudo dar certo e deixar o cliente satisfeito com a logística da sua empresa, serão bem maiores.

Como é o controle de uma logística?

Primeiramente, é necessários pensar no processo de armazenagem. A quantidade de colaboradores deve estar de acordo com a demanda. Quanto mais demanda, maior deverá ser o número de pessoas trabalhando na área. Geralmente, você deve contar com pessoas responsáveis pelo estoque (chefe de estoque e estoquistas). Quanto maior o estoque, mais pessoas responsáveis pela organização das mercadorias e separação dos pedidos, serão necessárias.

O chefe de estoque é aquele que faz o controle para que não falte mercadorias para os clientes. O que dirige os estoquistas de maneira que cada uma tenha o seu papel dentro daquele ciclo. É também conhecido como encarregado de estoque ou gerente de estoque.

Os estoquistas ficam responsáveis pela organização do ambiente, separação e embalagem para entrega. Depois disso, o próximo passo vai depender de como você decidiu por sua logística. Talvez seja necessário fazer a mercadoria chegar até o local escolhido para postagem do produto (por exemplo até uma loja do Correios).

Depois de decidido como será montada a equipe, é necessário pensar nos equipamentos. Atualmente, a tecnologia ajuda bastante para tornar o processo mais ágil. Um bom software por exemplo, é indispensável para o controle de estoque.

Controle do estoque

Quando você tem um controle de estoque bem feito, o serviço se torna mais eficiente. Caso tenha um valor para investir em um e-commerce, mais ágil e eficiente será o processo.

Imagine que para vender você ainda não tenha um e-commerce. Será necessário uma pessoa (ou até mais de uma), para atender os clientes, conferir se o produto ainda está disponível no estoque, combinar a forma de pagamento com o cliente e passar o pedido adiante depois de fechar a venda.

Com um e-commerce, o processo de venda é automático. Escolha do produto, quantidade em estoque, processo de pagamento e, por fim, o pedido já chega pronto na área de armazenagem, com o dever apenas de seguir com separação, embalagem, emissão de nota fiscal e processo de entrega do produto.

Enfim, tudo vai depender do quanto você tem pra investir em sua logística. Se prefere fazer a sua própria ou contratar uma empresa que faça por você. A tecnologia pode agilizar bastante o processo, mas demanda um maior investimento inicial.

A importância da logística

Embora muitas pequenas empresas se concentrem no design e na produção de seus produtos e serviços para melhor atender às necessidades dos clientes, se esses produtos não chegarem aos clientes, o negócio fracassará. Esse é o principal papel que a logística desempenha.

Mas a logística também afeta outros aspectos do negócio.

Quanto mais eficientemente as matérias-primas puderem ser compradas, transportadas e armazenadas até o uso, mais lucrativo o negócio pode ser. A coordenação de recursos para permitir a entrega oportuna e o uso de materiais pode fazer ou quebrar uma empresa.

E do lado do cliente, se os produtos não podem ser produzidos e enviados em tempo hábil, a satisfação do cliente pode diminuir, também impactando negativamente a lucratividade e a viabilidade de longo prazo da empresa. Portanto, investir no serviço passa a ser questão de sobrevivência no mercado.

Esse é um Guest post fornecido pela Empresa de Mudanças em Goiânia – Ferreira Mudanças.

Informar Erro

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes