Acidente Marília Mendonça: avião bateu em torre elétrica antes de cair

Marília Mendonça tinha 26 anos e deixa um filho de 1 ano.

Marília Mendonça, que tinha 26 anos, foi vítima de um acidente aéreo na tarde desta sexta-feira (5), em Minas Gerais, enquanto ia para um show. As causas da queda ainda estão sendo investigadas, mas a Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig) divulgou uma nota pouco depois do acidente revelando que o avião que levava a cantora colidiu com um carro de alta tensão de uma das torres de distribuição da empresa.

Acidente matou Marília Mendonça e mais quatro pessoas

Durante as investigações iniciais do acidente que vitimou Marília Mendonça e membros de sua equipe – incluindo condutores da aeronave – apontam que a colisão com fios de alta tensão pode ter sido uma das causas da queda.

De acordo com o G1, uma testemunha contou para as autoridades mineiras que o avião de Marília Mendonça perdeu o motor depois que atingiu os fios. O bimotor de 1984 tinha dois motores, mas, ainda segundo a testemunha, perdeu sustentação depois que um deles foi arrancado com a colisão.

A Aeronáutica anunciou que peritos foram enviados ao local do acidente e reforçou que os destroços do avião passarão por análises e perícias para apurar essa e outras possíveis causas do acidente. No entanto, essa não é a primeira vez que a rede elétrica da Cemig teria sido atingida por aeronaves.

Os órgãos oficiais de Minas Gerais já teriam sido alertados por outros pilotos antes do acidente que matou Marília Mendonça. Entre agosto e setembro, outros condutores de aeronaves haviam relatado que seus aviões teriam ‘rasgado’ alguns fios e que a rede elétrica atrapalhava os pousos no Aeroporto de Caratinga.

Acidente marília mendonça
Avião utilizado pela cantora marília mendonça – foto: reprodução

 

Veja parte da noite divulgada pela Aeronáutica:

O objetivo das investigações realizadas é prevenir que novos acidentes com características semelhantes ocorram. A conclusão das investigações terá o menor prazo possível, dependendo sempre da complexidade de cada ocorrência e, ainda, da necessidade de descobrir os fatores contribuintes“.

De acordo com a Anac, Agência Nacional de Aviação Civil, o avião usado por Marília Mendonça no momento do acidente estava com a documentação em dia e tinha autorização para voar e fazer Taxi Aéreo.

Marília Mendonça tinha 26 anos, tinha uma carreira de sucesso e deixa um filho de 1 ano. Além da cantora, o acidente matou o produtor Henrique Ribeiro, seu tio e assessor Abicieli Silveira Dias Filho, o piloto e o co-pilto do avião.

Leia também:

Músicas de Marília Mendonça 

Você pode gostar também