Como ler o mapa astral: veja o passo a passo e aprenda com os astros

O mapa natal pode ser uma dessas ferramentas que usamos para fazer uma autoanálise e porque não, mudar o rumo de nossas vidas.

O mapa astral ou natal é um “print” de como estava o céu no dia, horário e local do nosso nascimento. Como o próprio nome diz, ele aponta caminhos que podem ser compreendidos a partir da leitura e cruzamento dos elementos simbólicos que são os signos, os planetas, as casas e os aspectos que formam entre si. A astrologia é a linguagem, o idioma que aplicamos para fazer a tradução e interpretação.

Desde sempre nós como humanidade observamos o céu. Os antigos sabiam que determinados movimentos se repetiam por observarem os ciclos da natureza. Era através da observação que eles mudavam o rumo de toda uma comunidade. O mapa natal, portanto, pode ser uma dessas ferramentas que usamos para fazer uma autoanálise e porque não mudar o rumo de nossas vidas?

Para o que serve o Mapa Astral?

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Cada vez mais pessoas estão buscando formas de reconexão consigo mesmas, em busca de descobrirem quem realmente são e o que vieram fazer aqui nesse planeta. Sobretudo, o mapa astral entra como uma dessas ferramentas de busca pessoal, que serve para explicar quem você é e o que veio fazer aqui, uma forma de compreensão das energias planetárias e como elas influenciam o nosso comportamento.

Nesse sentido, aborda também sobre como lidamos com as dificuldades e bloqueios que encontramos nessa vida, habilidades, dons e capacidades únicas, talentos, vontades, medos próprios de um ser humano. Revela muito sobre a nossa essência. a astrologia serve para explicar quem você é o que veio fazer aqui.

Certamente, cada mapa natal é único e, devido a inúmeras combinações que se formam, tem algo que nunca muda: o significado de cada símbolo. Quando citamos Marte, por exemplo, sempre falaremos de uma energia de ação, de atitude, da maneira que agimos. Assim também a casa 02 sempre será a casa que fala sobre valore e recursos. Escorpião sempre será energia de profundidade, de conexão visceral.

Como fazer o mapa natal gratuitamente?

Antes de atuar como astróloga, recorri a muitos sites especializados para conhecer um pouco mais sobre os significados antes de aprofundar os estudos. Então, quem quer obter um cálculo com o desenho do mapa de forma gratuita, os sites gratuitos podem ser uma opção.

Entretanto, é preciso frisar que contar com a orientação de um profissional habilitado é a melhor maneira de obter auxilio nesse processo de descoberta pessoal.

Portanto, veja três sites que oferecem o serviço gratuitamente:

  • Astrocentro
  • Personare 
  • Astrolink 

Passo a passo para entender o Mapa Astral

Para fazer o seu mapa, você precisa do dia, horário e local de nascimento. A partir do desenho do mapa, você consegue localizar em que signo e casa o seu sol, está, assim como todos os demais astros. Contudo, como a astrologia é um campo vasto e com muitas variáveis de interpretações, compartilho alguns significados de cada astro e casa para você arriscar uma autoanálise:

O sol – Mapa Astral

É consciência, energia vital e criativa, individualidade. Desse modo, o signo em que ele se encontra fala do seu modo de ser.

A lua

São as emoções, nosso lado inconsciente, instintivo e reativo. O signo em que ela se encontra mostra como reagimos emocionalmente.

Mercúrio

É o pensamento, a comunicação, expressão por meio da palavra. No signo em que está, mostra muito sobre e a forma que pensamos e nos comunicamos.

Vênus

Afeto, valores, bem estar e prazer, ou seja, é o que nos liga afetivamente ao meio. Então, o signo em que ela está indica sobre como como nos inspiramos e criamos vínculos.

Marte

Desejo, ação, agressividade. O signo em que está mostra de que forma agimos e vamos em busca dos nossos desejos.

Júpiter

Expansão com algo Superior e de aperfeiçoamento. No signo, mostra como desenvolvemos confiança e fé na vida.

Saturno

Restrição, esforço, responsabilidade. No signo mostra de que forma damos esse limite.

Urano

Revolução, liberdade, originalidade.

Netuno

Compaixão, espiritualidade, sensibilidade.

Plutão

Transformação, renascimento, profundidade.

Aliás, esses três últimos planetas são conhecidos como geracionais, ou seja, falam sobre uma geração de pessoas porque ficam em um mesmo signo durante muitos anos. Por este motivo, quando observamos a energia de cada um deles, devemos considerar a casa astrológica em que eles se encontram.

Mapa astral – O que são casas astrológicas?

As casas astrológicas são divididas em 12 setores. Assim, cada um desse setor representa uma área da nossa vida, são elas:

Mapa Astral -Casa 01 – Identidade

É a casa do ascendente que fala sobre a nossa personalidade. É a maneira como nos apresentamos ao mundo e também a forma que iniciamos todas as coisas.

Casa 02 – Valores

Recursos em todos os sentidos, como posses, patrimônio, dinheiro, tudo aquilo que eu valorizo. Mostra nossa relação com o mundo da matéria. São os pilares que sustentam a nossa identidade.

Mapa Astral – Casa 03 – Comunicação

São as pontes que nos conectam com o mundo. Fala sobre a forma como nos comunicamos e nos relacionamos. É como funciona o meu mental concreto.

Casa 04 – Origens

Fala sobre as nossas bases, nossas raízes como a família, a nossa casa, descreve a infância e a relação com a ancestralidade, fala da onde viemos.

Mapa Astral – Casa 05 – Criatividade

Aquilo que fazemos por diversão, prazer e que também nos deixa criativos. Desse modo, fala também da nossa relações com filhos e crianças.

Casa 06 – Rotina

Tudo aquilo que eu faço habitualmente, seja em relação ao trabalho, a saúde, a vida diária.

Casa 07 -Relações

Fala sobre a nossa relação com o outro, como casamentos e parcerias.

Casa 08 – Transformações

É a casa dos tabus – sexualidade, morte, dinheiro – nosso e dos outros.

Mapa Astral – Casa 09 – Expansão

Em todos os sentidos: consciência, conhecimentos superiores, filosofias de vida, viagens.

Casa 10 – Propósito

Propósito no sentido de caminho de desenvolvimento do ser, fala da nossa carreira, profissão, ambição e status.

Casa 11 – Amizades

Relação com a sociedade ao nosso redor, com o coletivo, grupos e amigos.

Casa 12 – Transcendental

Por fim, esta é a casa que fala da espiritualidade, aquilo que nos liga com o invisível, a vida mística e oculta. Portanto, mostra o nosso impulso para se unir com o todo.

Informar Erro

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes