Eleições 2020: saiba como funciona a urna eletrônica

Depois das eleições americanas e a demora causada pela contagem do voto de papel, a urna eletrônica vem sendo exaltada pelos brasileiros

Eleições 2020– Com o pleito americano, muitos brasileiros passaram a questionar o uso do papel para a votação. O Brasil é avançado nesse sentido: desde 1996 utilizamos a urna eletrônica. Na Internet, a tecnologia foi muita elogiada em memes para criticar o sistema eleitoral dos EUA.

Eleições 2020: O que é a urna eletrônica?

A urna eletrônica é um microcomputador de uso específico para eleições, com as seguintes características: resistente, de pequenas dimensões, leve, com autonomia de energia e com recursos de segurança.

Dois terminais compõem a urna eletrônica: o terminal do mesário, onde o eleitor é identificado e autorizado a votar (em alguns modelos de urna, onde é verificada a sua identidade por meio da biometria), e o terminal do eleitor, onde é registrado numericamente o voto.

Como a urna eletrônica funciona?

O terminal do mesário possui um teclado numérico, onde é digitado o número do título de eleitor, e uma tela de cristal líquido, onde aparece o nome do eleitor, se ele pertence àquela seção eleitoral e se está  apto a votar. Antes da habilitação, nas seções onde há identificação biométrica, o eleitor tem sua identidade validada pela urna. Desta forma, um eleitor não pode votar por outro.

A urna eletrônica  somente grava a indicação de que o eleitor já votou. Pelo embaralhamento interno e outros mecanismos de segurança, não há nenhuma possibilidade de se verificar em quais candidatos um eleitor votou, em respeito à Constituição Federal brasileira, que determina o sigilo do voto.

Três pequenos sinais visuais (LEDs) auxiliam o mesário, informando-o se o terminal está disponível para o eleitor, se já completou o voto e se a urna eletrônica está funcionando ligada à corrente elétrica ou à bateria interna.

Já o terminal do eleitor possui teclado numérico, usado para registrar o voto, e uma tela de cristal líquido, onde aparecem as mensagens que orientam o eleitor para o registro de seu voto. Caso ocorra algum problema com a urna eletrônica durante a votação, serão adotados procedimentos de contingência para saná-lo.

O TSE preparou um documento completo sobre as urnas eletrônicas. 

Você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.