Banco do Japão diz que CBDC não afetará status do dólar

Vantagem da moeda norte-americana pode se fortalecer se EUA optarem pela digitalização, diz executivo do banco japonês

No início desta semana, uma matéria da Bloomberg trouxe informações de que o governo de Joe Biden estaria preocupado com os efeitos a longo prazo do yuan digital, moeda digital de Banco Central (CBDC), sobre o dólar. 

Agora, a mesma Bloomberg traz mais uma informação sobre o assunto, dessa vez com o chefe de pagamentos do Banco do Japão, Kazushige Kamiyama, descartando a possibilidade de que a moeda digital chinesa possa minar o status do dólar americano como moeda de reserva mundial.  “O status do dólar como principal moeda global não mudará tão facilmente. Na verdade, a vantagem do dólar pode se fortalecer ainda mais se os Estados Unidos optarem pela digitalização”, disse Kamiyama. 

A moeda digital da China é citada como potencial risco para o dólar por ser o projeto mais avançado dentre os países, inclusive o Brasil, que estão desenvolvendo uma Moeda Digital de Banco Central. A China deu início a um projeto de CBDC em 2019, contando com o envolvimento dos maiores bancos estatais do país, além de gigantes do ramo de pagamentos. Como a Tencent e a Ant Financial.

Yuan digital é CBDC mais adiantado

Alguns testes já foram realizados em cidades selecionadas, como a oferta de pacotes vermelhos digitais de dinheiro aos cidadãos por meio de uma loteria que poderia ser gasta nas lojas participantes. Na Europa, a implantação de um euro digital ou alguma outra moeda ainda está distante, com estimativas apontando 2025 ou 2026. 

O Banco do Japão deu início à primeira fase de experimentação de uma CBDC, prevista para seguir até março de 2022. De acordo com uma pesquisa do Banco de Compensações Internacionais, 86% dos bancos centrais estão pesquisando sobre o potencial das CBDCs, enquanto 60% experimentam a tecnologia e 14% já estão implementando projetos-piloto. 

Preocupação americana com CBDC

Esse avanço do yuan digital, segundo matéria da Bloomberg, levou autoridades do Tesouro dos EUA, Departamento de Estado, Pentágono e Conselho de Segurança Nacional a se preocuparem com seus efeitos sobre o dólar como moeda de reserva global.

Para se preparar para o possível impacto, as autoridades estão intensificando esforços para entender como o yuan digital será distribuído e se isso contorna as sanções comerciais.

Efeitos de CBDC sobre dólar preocupa governo Biden

Você pode gostar também
buy cialis online