Brasil fica de fora de cúpula da ONU em evento sobre reações climáticas

A lista da ONU inclui mais de 70 países e a União Europeia. Brasil, México e Estados Unidos ficaram de fora do evento.

A Organização das Nações Unidas (ONU) divulgou nesta quinta-feira (10), a lista dos chefes de estados de 70 países, incluindo a União Europeia que foram convidados para participar da reunião preparatória da próxima Conferência das Partes da Convenção da ONU sobre Mudanças no Clima. O evento virtual será realizado neste sábado (12).

Foram chamados os países que apresentaram metas ambiciosas a para cumprirem o compromisso de zerar as emissões de carbono até a metade do século 21, previsto no Acordo de Paris.

Veja os países convidados pela ONU

Nas Américas, Uruguai Argentina, Colômbia, Peru, Belize, Cuba, Costa Rica, Equador, Jamaica, Guatemala, Honduras, Panamá e Canadá vão marcara presença no palco virtual do evento.

A União Europeia e os grandes poluidores asiáticos, como a China, também estão entre os convidados do Climate Ambition Summit.

Países excluídos do evento da ONU

Além do Brasil, os grandes poluidores mundiais que ficaram de fora são México e os Estados Unidos.

  • Museu do meio ambiente do Brasil dará lugar a hotel de luxo? Entenda a ideia

Má repercussão

Ao site G1, o secretário-executivo do Observatório do Clima, Márcio Astrini, diss que a rejeição ao governo brasileiro na Cúpula da Ambição Climática 2020, se dá após o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles anunciar novas metas do país no Acordo de Paris. “Nos tornamos indesejados em uma agenda que deveríamos ser líderes. O governo Bolsonaro tanto fez contra o meio ambiente e contra o clima do planeta, que se tornou uma espécie de presença tóxica nessas reuniões internacionais”, declarou.

Na questão Meio Ambiente o Brasil do governo Bolsonaro deixa a desejar. Este ano, por exemplo, foi considerado o ano que mais teve registros de fogo no Pantanal e com baixa fiscalização do  Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe). O desmatamento da Amazônia também foi um dos assuntos que teve má repercussão sobre o Brasil mundo afora.

Você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.