Nestlé é processada após toneladas de peixes mortos serem encontrados em rio na França

Fábrica da Nestlé sofre vazamento e polui rio na França, causando a morte de toneladas de peixes.

A Nestlé é processada pelo chefe de uma federação de pesca francesa após várias toneladas de peixes mortos serem encontrados no rio Aisne, França, no último domingo (9), perto de uma fábrica da marca.

De acordo com a prefeitura local, as mortes ocorreram devido a uma diminuição nos níveis de oxigênio na água. Nesse meio tempo, estão sendo realizados testes para determinar a origem da poluição.

Os peixes mortos foram encontrados perto de Challerange, a 50 km de Reims, disse a prefeitura em um comunicado. “Apresentamos uma queixa contra a Nestlé França por poluição e violação do artigo 432.2 do código ambiental”, disse Michel Adam, presidente da Federação de Pesca de Ardennes.

O prejuízo equivale a “vários milhares de euros”, acrescentou. “Tudo morreu em uma área de sete quilômetros de comprimento e 30 metros de largura. Já recuperamos três toneladas de peixes mortos. Mas ainda restam alguns”, afirmou Adam. 

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

De acordo com Adam, cerca de 14 espécies foram afetadas, incluindo espécies protegidas como enguias e lampreias. “Estou na federação há 40 anos e nunca vi poluição dessa magnitude”, disse em entrevista.

 

nestlé é processada por poluição
Imagem: Reprodução / Alex Bennett

Nestlé é processada após “transbordamento involuntário”

A fábrica da Nestlé em Challerange, que fabrica leite em pó, confirmou em comunicado que houve um “transbordamento ocasional e involuntário de efluente de lodo biológico, sem a presença de produtos químicos” de sua estação de tratamento de efluentes na noite de domingo.

O diretor da fábrica, Tony do Rio, disse em comunicado que “assim que soubemos do relatório no domingo às 23h, paramos imediatamente a produção e acabamos com o vazamento”.

Segundo o diretor, “este vazamento foi único e durou menos de três horas na noite de domingo”. Ele também acrescentou que a atividade na fábrica foi interrompida por alguns dias.

Desde a descoberta dos peixes mortos, pescadores voluntários e bombeiros trabalham para limpar o rio. Além disso, uma barragem também foi instalada para conter a propagação da poluição, disse a prefeitura.

Informar Erro
Fonte BBC

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes