A Terra treme a cada 26 segundos e ninguém sabe o motivo

Conhecida como um ‘microssísmo’, a Terra treme a cada 26 segundos. Mas a causa dessa atividade sísmica ainda é desconhecida.

Por que a Terra treme a cada 26 segundos e os cientistas não conseguem explicar isso depois de 60 anos?

Como o mundo inteiro trabalha todos os dias, seus habitantes mal sabem que a Terra treme ou estremece a cada 26 segundos. Conhecido como ‘microssísmo’, falta intensidade suficiente para que possamos sentir. Contudo, é suficiente para dispositivos sismológicos detectar e medir.

Então, o que causa esse ‘pulso’ silencioso que bilhões de pessoas em todo o planeta não podem sentir? A resposta é debatida, com várias hipóteses apoiando ou contendendo entre si. A origem da controvérsia, no entanto, remonta várias décadas à sua descoberta na década de 1960.

 

Terra treme a cada 26 segundos
Imagem: reprodução / pexels

Terra treme a cada 26 segundos 

Em 1962, um pesquisador chamado Jack Oliver publicou um artigo onde documentou o microseísmo pela primeira vez. Ele deduziu que o pulso emanava de algum lugar no oceano Atlântico equatorial ou meridional. 

Oliver também observou que o pulso era mais poderoso durante os meses de verão no hemisfério norte; uma época em que é inverno no hemisfério sul. Contudo, ele não tinha os instrumentos avançados que os sismólogos têm agora à sua disposição.

Desde então, os cientistas passaram muito tempo ouvindo o pulso e até mesmo descobrindo de onde ele vem: “uma parte do Golfo da Guiné chamada Golfo de Bonny”, diz a Discover .

Alguns pesquisadores acham que o pulso tem uma causa prosaica. Sob os oceanos do mundo, a plataforma continental atua como uma quebra de onda gigantesca – é o limite da borda mais distante. Por exemplo, da massa continental da América do Norte onde a parte mais alta da placa finalmente cai na planície abissal profunda.

Os cientistas teorizaram que, à medida que as ondas atingem esse lugar específico na plataforma continental do Golfo da Guiné, esse pulso regular acontece.

 

Terra treme a cada 26 segundos
Imagem: reprodução / pexels

Teorias em conflito

Mas outros pesquisadores acham que a causa é um vulcão que também está muito próximo do ponto crítico: “Isso porque o ponto de origem do pulso é supostamente próximo a um vulcão na ilha de São Tomé na Baía de Bonny”, explica a Discover. E existe um microssismo vulcânico semelhante que já está bem documentado no Japão.

Parece que rascunhos de novas pesquisas científicas surgem todos os dias. Mas o pulso misterioso é um bom lembrete de que ainda há muito a ser descoberto. 

Os cientistas estudaram o pulso e debateram sua origem, mas ele ainda não atingiu um ponto crítico de interesse para sua resolução. De acordo com a Disvover,  os pesquisadores provavelmente estão estudando eventos sísmicos de alta prioridade, o que faz sentido.

Este ano, por exemplo, os sismólogos têm uma oportunidade importante de estudar uma Terra muito mais silenciosa durante a quarentena global.

Fonte Ibt Yahoo
Você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.