Vulcão entra em erupção na Indonésia e milhares de pessoas são evacuadas

Vulcão entra em erupção na Indonésia e milhares de pessoas tiveram que deixar suas casas. O vulcão é um dos três que entrou em erupção recentemente, causando pânico entre os residentes locais.

Vulcão entra em erupção na Indonésia e milhares de pessoas tiveram que deixar suas casas, de acordo com a Agência de Mitigação de Desastres do país.

O Monte Ili Lewotolok entrou em erupção no domingo (29), enviando 4 quilômetros de cinzas e fumaça para o ar.

Assim, mais de 2.700 pessoas foram evacuadas de 28 aldeias nas encostas do vulcão, que está localizado na ilha oriental de Lembata, na província de Nusa Tenggara oriental.

De acordo com Muhammad Ilhan, um jovem de 17 anos que viu a erupção, os moradores locais estavam “em pânico e ainda estão procurando refúgio”.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Contudo, apesar do pânico entre os moradores, não houve relatos de mortes ou feridos após a erupção.

 

Vulcão entra em erupção na Indonésia
Imagem: Reprodução / Pexels

Vulcão entra em erupção na Indonésia

O aeroporto local fechou enquanto as cinzas continuavam a cair em partes da ilha. Além disso, o Ministério dos Transportes também divulgou um alerta de vôo para a região.

Autoridades do Centro de Vulcanologia e Mitigação de Riscos Geológicos do país elevaram o nível de alerta na área de três para quatro – o segundo maior. Bem como recomendaram o uso de máscaras para proteger os olhos e a pele dos efeitos nocivos das cinzas.

Eles também alertaram os residentes para ficarem 4 quilômetros de distância da cratera vulcânica. Pois, a área provavelmente sofreu uma inundação de “nuvens quentes, fluxo de lava, avalanche de lava e gás venenoso”.

 

‘Anel de Fogo’

O Monte Ili Lewotolok com 5.423 metros é o terceiro vulcão a entrar em erupção nos últimos meses, após o vulcão Merapi na ilha de Java e o vulcão Sinabung em Sumatra .

A Indonésia tem 400 vulcões em suas 17.000 ilhas. Assim, existem 129 vulcões ativos, dos quais 65 são perigosos.

A nação do arquipélago encontra-se no chamado “Anel de Fogo” – uma série de vulcões e falhas geológicas ao longo da orla do Oceano Pacífico.

Fonte DW

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes