Suspensão da prova de vida do INSS acaba dia 31 de outubro

Aposentados e pensionistas devem ficar atentos ao prazo, que foi alterado pela pandemia de covid-19; sem cadastro benefício pode ser bloqueado

Termina no dia 31 de outubro a suspensão feita pelo governo federal para a prova de vida do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). A paralisação foi determinada em março por conta da pandemia de covid-19.

No entanto, o segurado pode marcar o atendimento para não ter o benefício suspenso, isso porque tudo leva a crer que não haverá nova prorrogação da suspensão.

O que é a prova de vida?

Segundo a legislação, todo ano os beneficiários do INSS precisam comprovar ao governo que estão vivos. Isso é necessário para evitar fraudes e pagamentos indevidos das aposentadorias e pensões.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

É preciso fazer a prova de vida nas agências bancárias os beneficiários que recebem por meio de conta corrente, conta poupança ou cartão magnético. Quem não faz a prova de vida no prazo tem seu benefício bloqueado, suspenso ou cessado.

Em nota, o INSS explicou que os procedimentos citados vão até a competência setembro. “Logo, pagamentos efetivados em outubro, ainda ficam sem a possibilidade de suspensão por falta da fé de vida. Portanto, como dito, não haverá bloqueio até o fim deste mês, conforme a portaria 933, de 14/09/2020. Contudo, o beneficiário que quiser e puder, não há impedimento em realizar o procedimento”.

É possível fazer a atualização por meio de procuração. Antes da pandemia, a procuração precisava ser feita presencialmente em cartório e registrada em uma agência do INSS. Mas, com a atual situação, pode ser feita pela internet.

Com a pandemia, o INSS autorizou os bancos a realizarem a prova de vida por representante legal que não esteja cadastrado no órgão, quando o beneficiário tiver 60 anos ou mais.

O INSS poderá, a qualquer tempo, solicitar os documentos apresentados, autenticados ou não, caso entenda necessário, sobretudo quando acabar a situação de emergência da pandemia.

Para tirar dúvidas e agendar a prova de vida, basta acessar o site do INSS, ou ainda baixar o aplicativo Meu INSS para smartphones.

No aplicativo é possível ter acesso a alguns serviços, como agendamentos e solicitações, agendar perícia, emitir guia de pagamentos, comunicar acidente de Trabalho, ver o calendário de pagamento, verificar autenticidade de documentos, entre outros.

Informar Erro

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes