Conheça a história de Jeff Bezos e como conseguiu sua fortuna

Conheça a história de Jeff Bezos e saiba mais sobre como ele construiu sua fortuna e a Amazon. Além de fundar a marca, o empresário também conquistou seu dinheiro fazendo investimentos pessoais.

Atualmente ocupando a primeira posição na lista de homens mais ricos do mundo, Jeff Bezos dedica a sua vida desde 1994 à Amazon, sua empresa de comércio online. Além de fundar a marca, o empresário também conquistou seu dinheiro fazendo investimentos pessoais. Conheça a história do magnata e saiba mais sobre como ele construiu sua fortuna. 

O começo da história de Jeff Bezos

Jeff Bezos estudando computação durante programa de universidade.
Quando ainda era criança, Jeff Bezos estudava computação e adorava tecnologia. Fonte: Reprodução/ Twitter

Jeff Bezos nasceu em 1964 no estado do Novo México (EUA). Sua mãe, Jacklyn Jorgensen, tinha apenas 18 anos quando deu à luz seu filho; o pai biológico de Bezos o abandonou um ano após seu nascimento. Seu sobrenome veio de Miguel Bezos, cubano que casou-se com Jorgensen em 1968. O bilionário não teve contato com seu genitor e considera Miguel seu verdadeiro pai.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Assim como Elon Musk, Jeff Bezos  se interessou  por programação quando ainda era jovem. Além de trabalhar no McDonald’s enquanto estava no ensino médio, o bilionário participava de um programa de ciências realizado pela Universidade da Flórida. Inspirado em Miguel, se matriculou no curso de Engenharia Elétrica e Ciência da Computação pela Universidade de Princeton, uma das mais celebradas nos Estados Unidos. Em 1986, formou-se como um dos alunos de maiores notas na instituição.

Com a boa formação no currículo, Bezos foi chamado para trabalhar na Intel, mas não aceitou a oportunidade e preferiu trabalhar em uma startup de telecomunicações. Trabalhando nesta empresa, conseguiu chegar até o cargo de diretor de atendimento ao cliente, porém ficou inquieto e mudou seu foco para a área financeira. Foi trabalhar como gerente de produto no Bankers Trust e depois foi para o fundo multimercado D. E. Shaw & Co, onde alcança a posição de vice-presidente sênior com apenas 30 anos.

Como Jeff Bezos construiu sua fortuna com a Amazon?

Apesar de receber bons salários em seus empregos citados acima, Jeff Bezos começou a trilhar o caminho dos bilionários quando decidiu fundar a Amazon em 1994. Sua decisão de largar o emprego e fundar a empresa ocorreu após ver em uma pesquisa que o uso da internet aumentava 2.300% ao ano. Com a opinião formada, Bezos e sua esposa Mackenzie mudaram-se para Seattle, lugar que segundo o empresário é ideal para começar um novo negócio.

No início, a Amazon comercializa apenas livros físicos online, mas Jeff possuía a ambição de tornar seu novo empreendimento ainda maior. Um dos principais pontos para o seu sucesso foi a preocupação em criar uma marca forte online, pois sabia que o modelo de negócios seria copiado no futuro. A escolha dos nomes foi um dos maiores desafios para ele, mas assim que achou a palavra Amazon entendeu que ela era a melhor escolha. Além de trazer a ideia de “algo exótico”, a palavra ligada ao Rio Amazonas faria com que a empresa estivesse no topo das listagens alfabéticas de empresas – vale lembrar que nessa época a busca pelo Google ainda não existia.

Com o site da loja lançado em 1995, Jeff Bezos percebeu o sucesso estrondoso de sua ideia. Nos primeiros meses, a Amazon faturava US$ 20 mil por semana e fazia entregas em todos os estados dos EUA e outros 45 países. Vale ressaltar que Bezos recebia, preparava e enviava todos os pedidos da Amazon pessoalmente com o apoio de uma pequena equipe. A situação ficou ainda melhor apenas dois anos após a fundação, quando o empresário tornou sua empresa pública. 

Amazon além das vendas online e de olho no futuro

Jeff Bezos fala durante palestra
Jeff Bezos também possui outros investimentos além da Amazon. Fonte:Reprodução/ YouTube

Após o sucesso inicial, Jeff Bezos começou a enxergar a Amazon além da venda de livros. Em sua visão, a sua criação era uma empresa de tecnologia, e isso lhe salvaria durante o boom das empresas .com (algo previsto por ele desde o início). Além de passar a vender outros produtos, a Amazon passou a oferecer serviços de dados e estatísticas pela Amazon Web Services. Isso fez com que a empresa se tornasse uma das principais provedoras de armazenamento em nuvem.

Outra bola dentro na história de Jeff Bezos foi o investimento em e-books, que começou a crescer vertiginosamente em 2007. Para seguir essa onda, a Amazon criou o Kindle, seu leitor digital para livros, e passou a comercializar versões digitais dos livros impressos. Por fim, também vale ressaltar a criação da Amazon Prime Video, plataforma de streaming para filmes e séries.

Outros investimentos de Jeff Bezos

  • Além Amazon, Jeff Bezos também entrou na corrida para comercializar viagens ao espaço e fundou a Blue Origin.  O objetivo do bilionário com este negócio é proporcionar vôos turísticos para além da estratosfera e reduzir o custo das viagens espaciais. Contudo, a empresa ainda não dá lucro para o empresário, que já vendeu US$ 1 bilhão de ações da Amazon para custear sua incursão ao espaço.
  • Então, fora as viagens espaciais, Bezos também lucra com o jornal The Washington Post, comprado por ele em 2013.
  • O bilionário também foi um dos primeiros acionistas do Google e seu investimento rendeu 3,3 milhões de ações do Google. Em suma, seu faro para negócios pode ser muito bom. Essa é a história de Jeff Bezos. 
Informar Erro

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes