Agência do governo expande aportes para inovação em SP

A Desenvolve SP, agência de fomento estadual, projeta desembolsar mais de R$ 60 milhões para projetos inovadores em território paulista.

A Desenvolve SP, agência de fomento estadual, projeta desembolsar mais de R$ 60 milhões para projetos inovadores em território paulista até o final deste ano. Se confirmado, este será o maior valor anual destinado para esse fim desde que a agência pública foi criada, há nove anos. O atual recorde foi registrado em 2017, quando os empréstimos para inovação ficaram pouco abaixo dos R$ 50 milhões. Desde 2009, a Desenvolve SP desembolsou R$ 171,9 milhões em financiamentos que visam criar novas soluções para as empresas no Estado de São Paulo. Segundo Álvaro Sedlacek, presidente da instituição, muitas empresas encontraram oportunidades de ganhar um diferencial durante a crise econômica. O maior salto na demanda por recursos da agência aconteceu em 2016, no auge da recessão, quando foi visto um aumento de 50% na busca por crédito para projetos inovadores.

O especialista pondera que nem toda a procura resulta em acordos. “Isso porque, antes de liberar o dinheiro, a Desenvolve SP considera a maturidade e a viabilidade do projeto, bem como o potencial da proposta em alavancar o mercado” . Sedlacek diz que a demanda por recursos da agência para inovação deve continuar em trajetória ascendente. Estamos vivendo uma fase em que as empresas pequenas e médias que não encontrarem um nicho de atuação terão cada vez mais dificuldade de se manter. Segundo ele, a necessidade de ter respostas inovadoras para o mercado já foi captada, especialmente pelos empreendedores mais jovens, da geração millennial. Ao comparar a situação de São Paulo com a de outras partes do País, o entrevistado ressalta que há um trabalho maior com inovação em território paulista. “Porque o estado possui universidades e mão-de-obra de alto nível, além de concentrar a parte mais moderna do setor de serviços no Brasil” , explica ele.

parceriaMais recursos em SP

Mesmo com o aumento dos desembolsos da Desenvolve SP, especialistas consultados pelo DCI afirmam que ainda são escassos os recursos destinados à inovação no estado. “Esses R$ 171,9 milhões [recursos da Desenvolve SP] têm sua importância, mas são insignificantes para uma região do tamanho de São Paulo” , diz José Nicolau Pompeo, professor de economia da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP). Na opinião dele, seriam necessários vários bilhões para causar um impacto relevante no desenvolvimento tecnológico e econômico da região. O entrevistado ressalta, ainda, que o avanço no apoio da Desenvolve SP não chega a compensar a queda dos desembolsos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), vista durante os últimos anos.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

De acordo com dados da instituição nacional de fomento, os aportes nacionais para inovação caíram 25% entre janeiro e setembro, na comparação com igual período do ano passado. Já os empréstimos totais para o Estado de São Paulo – que também consideram os recursos não destinados à inovação – caíram 34%.

Em desenvolvimento

O setor de serviços foi o principal beneficiado pelos desembolsos da Desenvolve SP para inovação, recebendo R$ 110,1 milhões desde 2009. Indústria (R$ 52,2 milhões) e comércio (RS 9,5 milhões) obtiveram quantias menores no período. A startup Contador Amigo é uma das firmas do setor de serviços que é apoiada pela Desenvolve SP. A fintech paulistana tem como objetivo ajudar o pequeno empresário a fazer a contabilidade da própria empresa de forma remota, sem a necessidade de um contador. A ferramenta desenvolvida pela empresa recebeu seu primeiro financiamento da Desenvolve SP em 2016. Outra firma que recebe apoio da agência paulista é a Palo Tecnologia, de São José dos Campos, que criou uma plataforma de comunicação para facilitar o diálogo das escolas com os pais.

Informar Erro

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes