Governo prorroga quarentena em SP até 7 de fevereiro

Decisão de prorrogar a quarentena da Covid-19 em SP foi divulgada em Diário Oficial no último dia do ano passado. Veja mais.

Paulistas e paulistanos estarão de quarentena do novo coronavírus até o dia 7 de fevereiro. A decisão, imposta pelo governo de São Paulo, foi publicada no Diário Oficial do Estado. A quarentena em SP existe a mais de 10 meses e até quando a vacina da Covid-19 não imunizar a população, ela será uma medida de proteção.

Quarentena em SP

O argumento utilizado pelo governo foi de que a prorrogação da quarentena em SP ocorre em razão da  “necessidade de conter a disseminação da covid-19 e garantir o adequado funcionamento dos serviços de saúde”.

Na prática, a prorrogação da quarentena em SP permite que continue em funcionamento a classificação – em Fase Vermelha, Laranja, Amarela, Verde e Azul – das regiões do estado de São Paulo.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Fase Vermelha em SP

Vale lembrar que até este domingo (3), todas as regiões do estado de São Paulo estarão dentro da Fase Vermelha do Plano SP. Esta foi criada para restringir ainda mais os serviços, principalmente do comércio, para não haver propagação do coronavírus.

Na Fase Vermelha, o atendimento presencial fica proibido em shoppings, lojas, concessionárias, escritórios, bares, restaurantes, academias, salões de beleza e estabelecimentos de eventos culturais. Restaurantes e serviços de gastronomia devem funcionar no modo delivery.

Os serviços liberados na Fase Vermelha em SP são: farmácias, mercados, padarias, postos de combustíveis, lavanderias e serviços de hotelaria.

O decreto também prorrogou, até 7 de fevereiro, a suspensão de atividades não essenciais da administração pública estadual.

 

Informar Erro

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes