Restaurantes desrespeitam a fase vermelha em São Paulo

Estabelecimentos fizeram postagens nas redes sociais afirmando que iriam continuar funcionando após o horário limite da fase vermelha.

Restaurantes em São Paulo estão fazendo posts nas redes sociais que indicam que estão descumprindo as medidas restritivas da fase vermelha. Alguns estabelecimentos postaram que os clientes poderiam chegar até às 19h30 e ficar no local após às 20h, horário em que o restaurante deveria fechar.

As informações são do G1.

O que pode na fase vermelha em São Paulo?

A partir das 20h o estado de São Paulo entra na fase vermelha, a mais restritiva do plano, e deve ficar até às 6h do outro dia. Nos finais de semana a fase vermelha dura o dia todo.

Segundo o plano São Paulo, os restaurantes devem encerrar todas as atividades às 20h e não apenas proibir a entrada de novas clientes.

Em nota, a Secretaria de Desenvolvimento Econômico de São Paulo ressalta que a limitação de horário diz respeito ao encerramento do atendimento, e não ao momento de entrada dos clientes.

“O atendimento presencial deve se encerrar até no máximo às 20h em todas as atividades”, diz a nota.

Exemplos na capital

- PUBLICIDADE -

Contudo, restaurantes estão descumprindo o decreto e se mantendo abertos até mais tarde e permitindo o consumo no local.

Leia também

Nice x Monaco: onde assistir ao jogo da Copa da França…

Previsão do tempo SP: chuva forte na segunda e terça-feira

Alguns lugares chegam a anunciar dois horários de funcionamento: um que determina o limite para a entrada dos clientes (até as 20h); e outro que determina o limite para consumo no local (até as 22h) – isso vai contra o decreto.

Um estabelecimento no bairro do Jardins fez uma postagem afirmando que quem chegar antes do horário limite pode terminar o jantar com calma após às 20h.

Outro do mesmo bairro anuncia que funciona, no jantar, das 18h30 às 22h, e diz que a entrada é permitida até as 20h. Além disso, os restaurantes fecham as portas às 20h e seguem funcionando normalmente, mas longe da fiscalização.

fase vermelha em São Paulo
Foto: Reprodução/Redes sociais/G1

Ao G1, Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel) afirmou que orienta que os estabelecimentos cumpram com a regra.

“A orientação é que [os restaurantes] peguem a reserva mais cedo e atendam até o horário. Na maioria dos locais que nós temos conhecimento, os próprios clientes estão marcando por volta das 18h, 18h30, para comerem e saírem antes das 20h”, diz Joaquim Saraiva, presidente da Abrasel.

Fase vermelha em São Paulo

- PUBLICIDADE -

A cidade de são Paulo, assim como o estado, fica na fase vermelha durante a noite nos dias úteis e todo o dia nos finais de semana e feriado. Nesses momentos, apenas os serviços essenciais podem funcionar, como farmácias e supermercados.

Por isso, restaurantes devem ficar fechados e funcionando apenas com delivery.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes