Seminário sobre acessibilidade promove projetos de inclusão digital

O Seminário Novos Paradigmas em Acessibilidade Digital vai apresentar iniciativas de inclusão digital em âmbito global.

O Seminário Novos Paradigmas em Acessibilidade Digital , amanhã (19), promovido pela Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência de São Paulo, vai apresentar iniciativas de inclusão digital utilizadas em âmbito global. Além de ser um workshop informativo, o evento tem como objetivo incentivar e potencializar a promoção da cidadania digital, baseada nos princípios de universalidade e na igualdade de oferta de serviços e informações. No dia 17 de maio, a Prefeitura lançou o Selo de Acessibilidade Digital que certifica páginas da web que cumprem as normas nacionais de acessibilidade.

O objetivo, tanto do seminário quanto do selo, é promover a acessibilidade digital. “É uma coisa tão fácil nos dias de hoje, mas ainda é muito raro achar um site que seja totalmente acessível”, comentou o secretário municipal da Pessoa com Deficiência, Cid Torquato. Para ele, o intuito dessas iniciativas é que o selo seja desejado pelas empresas e que seu valor seja reconhecido. Apesar da acessibilidade digital englobar todas as necessidades especiais, segundo Torquato, o principal foco do evento será a pessoa com deficiência visual, que acaba tendo mais dificuldade para acessar sites e aplicativos.

A Secretaria confirmou a participação da instituição norte-americana G3ict, que tem como missão facilitar e apoiar a implementação da Convenção dos Direitos das Pessoas com Deficiência da Organização das Nações Unidas (ONU) sobre acessibilidade de Tecnologias da Informação e Comunicação (TICs) e tecnologias assistivas, e de organizações brasileiras relacionadas ao assunto, como o Digitalks e a empresa Ouvi. “A gente já trabalha em parceria com a G3ict há anos e eles nos inspiraram para fazer todo esse trabalho e também para criar o selo”, disse o secretário. De acordo com ele, a instituição vai trazer o que alguns países mais avançados estão fazendo e algumas novidades mundiais para que o Brasil se inspire e consiga se tornar totalmente acessível.

AppsAcessibilidade no aspecto jurídico

De acordo com o secretário da Pessoa com Deficiência, a iniciativa é a primeira a abordar o assunto, mas já há planos de continuar a discussão. “Em agosto, vamos fazer outro evento sobre acessibilidade digital, mas vamos falar sobre o aspecto jurídico. Como exigir que as empresas tenham acessibilidade digital”, explicou. O seminário acontece no dia 19 de junho, a partir das 14h, no InovaBra Habitat, um centro de inovação colaborativa para troca de conhecimentos e experiências, localizado na Consolação. Para que haja a participação de todos os públicos, o seminário contará com audiodescrição e tradução simultânea para português e também para Libras

Você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.