Ainda tem como fazer o cadastro no Auxílio Brasil em 2021?

Neste mês de dezembro as famílias inscritas no programa vão receber o pagamento mínimo de R$ 400

A segunda parcela do Auxílio Brasil começou a ser paga no último dia 10/12 e os depósitos vão até 23 de dezembro, com valor de R$ 400. O pagamento do programa é voltado para quem era beneficiário do extinto Bolsa Família, mas ainda tem como fazer o cadastro no Auxílio Brasil e receber em 2021?

Dá para fazer cadastro no Auxílio Brasil e receber em 2021?

A principal porta de entrada para o Auxílio Brasil é através do Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico). Isso porque foi mantida praticamente a mesma estrutura do Bolsa Família, que exigia a inscrição das famílias de baixa renda. Mas apesar do programa ainda estar em sua 2ª parcela, não existe a possibilidade de solicitar o auxílio em 2021.

Os cidadãos ainda podem fazer o cadastro no Auxílio Brasil durante este mês, no entanto, o benefício somente será pago em 2022. Em dezembro, o programa atenderá apenas as 14,5 milhões de famílias que estavam na folha de pagamento do Bolsa Família e não receberá novos participantes porque o governo ainda depende da aprovação da PEC dos Precatórios (Proposta de Emenda à Constituição 23/21).

A proposta abre espaço de R$ 64,882 bilhões no orçamento de 2022, que será utilizado para custeio do Auxílio Brasil no valor de R$400. Alguns trechos do texto já foram promulgados pelo Congresso Nacional na última quarta-feira, 8, transformando a proposta em Emenda Constitucional 113.

Mas agora, os deputados ainda precisam votar as alterações que foram feitas no Senado. Somente após ser finalizado esse trâmite o Ministério da Cidadania começará a fazer a seleção das famílias aptas para receber o novo benefício.

Para aquelas pessoas que já fizeram o cadastro, a orientação do governo é atualizar os dados para entrar na fila de espera do programa. Esse procedimento também é feito junto ao CRAS, basta apresentar documentos atuais para comprovar a renda e o endereço ou fazer a inclusão de novos membros em caso de nascimento.

Como fazer o cadastro no auxílio brasil
Foto: reprodução/agência brasil

Como receber o Auxílio Brasil em 2022?

Como o governo espera ampliar o programa para 17 milhões de famílias, a nova seleção de beneficiários do Auxílio Brasil deve acontecer a partir de janeiro de 2022. Mas é importante lembrar que não deve ser criado um cadastro específico para o programa, portanto, no próximo ano também será necessário se inscrever no CadÚnico.

Mas antes de ir até o CRAS verifique se você já possui esse registro. A consulta está liberada por meio do site meucadunico.cidadania.gov.br/meu_cadunico ou aplicativo Meu CadÚnico e informe os seguintes dados:

– nome completo do representante familiar;
– data de nascimento;
– nome da mãe;
– estado e município onde reside;

Depois, clique em “não sou robô” e aperte o botão “emitir certidão”. Caso haja o cadastro no Auxílio Brasil aparecerá uma tela com todas as informações sobre o benefício. Por outro lado, se não houver, é preciso fazer o cadastro no Auxílio Brasil para ter seus dados inseridos na seleção de interessados em receber o pagamento em 2022.

Veja também como fazer agendamento no CRAS para atendimento em 2021

Consultar o Auxílio Brasil

Se você cadastrado no Cadúnico e quer saber se vai receber o benefício em dezembro de 2021, então basta consultar  por meio do aplicativo oficial do programa – que também foi chamado de Auxílio Brasil. Criado pela Caixa Econômica Federal, a plataforma disponibiliza informações sobre as datas de pagamento, além do valor do benefício que será liberado mensalmente.

Para acessar, informe o CPF do titular do benefício e cadastre uma senha. Os cidadãos que estavam inscritos no Bolsa Família podem utilizar a mesma senha cadastrada na antiga plataforma do programa social.

O mesmo procedimento pode ser feito através do aplicativo Caixa Tem, que também oferece várias opções para que o cidadão possa movimentar o dinheiro. Assim, é possível fazer compras presenciais ou virtuais, além de pagamentos de contas, transferências, saques sem cartão e pix.

 

Você pode gostar também