Auxílio Emergencial: Caixa paga hoje a última parcela do benefício

Será pago pela Caixa nesta segunda-feira (28) a última parcela do Auxílio Emergencial a beneficiários de todo o país. Confira

A última parcela do Auxílio Emergencial será debitada nesta segunda-feira (28) pela Caixa Econômica Federal. O valor do auxílio pode ser de R$ 600 ou R$ 300, dependendo de quando o beneficiário teve seu cadastro aprovado.

O pagamento de hoje é o último para aniversariantes de novembro do público geral (pessoas que não estão inscritas no Bolsa Família)

Segundo o governo federal, essa será a última parcela do benefício que foi criado durante a pandemia do novo coronavírus para poder amparar trabalhadores informais, autônomos e estender uma ajuda a beneficiários do programa Bolsa Família.

Contudo, caso o número de mortes por Covid-19 aumente, é possível que o benefício seja prorrogado, uma vez que, medidas restritivas mais rígidas de isolamento social possam ser postas em práticas.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Ciclos do Auxílio Emergencial

Os beneficiários que recebem o Auxílio Emergencial e que não estão inscritos no Bolsa Família recebem o pagamento em ciclos. A cada ciclo, todos recebem pelo menos uma parcela, independente de qual seja.

O cronograma é feito através do mês de nascimento do beneficiário e o calendário é dividido em duas etapas:

  • 1° etapa: o dinheiro é depositado na poupança digital e fica disponível apenas para pagamentos e transações pelo aplicativo Caixa Tem
  • 2° etapa: o auxílio é liberado para saques e transferências

A data da liberação para saques e transferência é a mesma para os ciclos 5 e 6. Isso significa que, quando chegar o dia da autorização, o beneficiário poderá sacar ou transferir todo o dinheiro que sobrou das últimas parcelas do auxílio.

Como ficou dividida as parcelas?

A quantidade total de parcelas do Auxílio Emergencial, depende do mês em que ela começou a receber o auxílio. O máximo são nove parcelas, sendo as cinco primeiras de R$ 600 e as quatro últimas de R$ 300.

  • Quem recebeu a 1ª em abril: 9 parcelas
  • Quem recebeu a 1ª em maio: 8 parcelas
  • Quem recebeu a 1ª em junho: 7 parcelas
  • Quem recebeu a 1ª em julho: 6 parcelas
  • Quem recebeu a 1ª a partir de agosto: 5 parcelas

Já as mulheres chefes de família têm direito a duas cotas e por isso, as cinco primeiras parcelas são de R$ 1.200, enquanto as quatro últimas são de R$ 600.

Os beneficiários do Bolsa Família que receberam o Auxílio Emergencial até dezembro de 2020, continuarão a receber normalmente os valores do programa a partir de janeiro de 2021.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes