Calendário do Bolsa Família de junho de 2021

Os valores que cada família recebe mudam de acordo com as suas composições, ao passo que há diferentes formas de consultar os depósitos

No mês de junho os beneficiários do Bolsa Família recebem em suas contas bancárias mais um pagamento dos benefícios do programa. Além disso, também há o pagamento da terceira parcela do auxílio emergencial para os beneficiários que foram incluídos nessa nova rodada de 2021. Para saber o dia que vai receber o dinheiro, basta olhar o calendário do Bolsa Família de junho.

Os valores que cada família recebe mudam de acordo com as suas composições, ao passo que há diferentes formas de consultar os depósitos. Em relação ao auxílio emergencial, integrantes do Bolsa Família foram incluídos de modo automático nos casos em que o valor da parcela fosse maior do que os benefícios recebidos pelo programa. Já as datas de pagamento continuam as mesmas do cronograma regular.

Quando começa o pagamento da Bolsa Família de junho?

O calendário do Bolsa Família para o mês de junho tem início no dia 17 e segue até o dia 30. Cada dia é destinado para o pagamento de um grupo de beneficiários, que são divididos de acordo com o final do Número de Identificação Social (NIS), sem considerar o dígito que vem após o traço. Além disso, os depósitos do benefício ocorrem nos dez últimos dias úteis de cada mês.

Para saber o dia que vai receber o benefício do Bolsa Família ou do auxílio emergencial é preciso conferir o dia destinado ao número final de seu NIS. Por exemplo, quem tem NIS de final 5 recebe o dinheiro no dia 23. Já quem tem NIS de final 7 adquire o pagamento do Bolsa Família no dia 25.

Então, confira o calendário completo do Bolsa Família de junho:

  • 17 de junho: NIS de final 1
  • 18 de junho: NIS de final 2
  • 21 de junho: NIS de final 3
  • 22 de junho: NIS de final 4
  • 23 de junho: NIS de final 5
  • 24 de junho: NIS de final 6
  • 25 de junho: NIS de final 7
  • 28 de junho: NIS de final 8
  • 29 de junho: NIS de final 9
  • 30 de junho: NIS de final 0

Sendo assim, nesses dias as famílias que foram incluídas na nova rodada do auxílio emergencial, recebem a terceira parcela desse programa. Ao passo que os demais beneficiários que não foram incluídos, recebem o seu pagamento normal do Bolsa Família.

Próximos pagamentos

Em todo o calendário do Bolsa Família 2021, os pagamentos ocorrem nos dez últimos dias úteis de cada mês. Confira então os prazos de depósito dos benefícios até o final do ano.

  • Pagamento de julho: entre os dias 19 e 30
  • Pagamento de agosto: entre os dias 18 e 31
  • Pagamento de setembro: entre os dias 17 e 30
  • Pagamento de outubro: entre os dias 18 e 29
  • Pagamento de novembro: entre os dias 17 e 30
  • Pagamento de dezembro: entre os dias 10 e 23

Qual o valor do Bolsa Família esse mês?

O valor do Bolsa Família deste mês de junho não é o mesmo para todos os beneficiários, ele varia de acordo com a composição e a situação da família.

Para quem não está recebendo o auxílio emergencial por ter um pagamento maior no Bolsa Família, continua em seus valores normais. Lembrando que, o pagamento total que uma família recebe no mês é a soma de todos os benefícios que ela tem direito dentro desse programa.

Valor para quem recebe o auxílio emergencial

No caso de quem está recebendo o auxílio emergencial, há três valores disponíveis. Um deles é a parcela de R$ 150, destinada a quem mora sozinho. Outra possibilidade é a parcela de R$ 250, que é destinada às famílias em geral. Já o maior valor, de R$ 375, vai para as famílias chefiadas por mulheres. No total serão pagas quatro parcelas.

Valor para quem recebe os benefícios do Bolsa Família

No Bolsa Família, há o benefício básico que tem o valor de R$ 89 e é pago às famílias extremamente pobres. Os integrantes podem receber também os benefícios variáveis, que são limitados a cinco por família e tem o valor de R$ 41 cada. Esses pagamentos são destinados a famílias com crianças ou adolescentes de 0 a 15, com mulher grávida e com crianças entre 0 e 6 meses.

Tem ainda o benefício variável de R$ 48 destinado a famílias que tenham adolescentes de 16 e 17 anos. E também o benefício de superação à extrema pobreza que é depositado para as famílias que ainda não alçaram a renda de R$ 89 por pessoa, mesmo após o recebimento dos benefícios anteriores.

Como consultar o pagamento?

Para consultar o Bolsa Família 2021 o beneficiário pode acessar o aplicativo Caixa Tem caso receba os benefícios por meio de depósito na poupança social digital. Ao fazer login com CPF e senha, o usuário consegue visualizar seu saldo e também tirar o extrato da conta. Ademais, por meio do aplicativo Bolsa Família, os cidadãos também conseguem consultar o pagamento do programa.

Para consultas por telefone, o cidadão pode ligar para o número 0800 707 2003, que é a central do Bolsa Família. Ou ainda para o telefone 111, que é destinado a orientações sobre o auxílio emergencial.

Você pode gostar também
buy cialis online