Saiba como pedir a certidão para saque do PIS/Pasep e FGTS

O documento autoriza as instituições financeiras a liberarem valores do PIS/Pasep e FGTS que ainda não foram pagos

Trabalhadores que atuam ou atuaram no regime de carteira assinada tem direito ao Fundo de Garantia do Tempo de serviço e do abono salarial do PIS/Pasep. Assim, os beneficiários podem pedir a certidão para saque do PIS/PASEP ou FGTS em casa.

 

O que é a certidão para saque do PIS/Pasep e FGTS?

A certidão para o saque, então, é um documento que autoriza as instituições financeiras a liberarem valores dos programas para o cidadão. Além disso, os valores do PIS/Pasep e FGTS que ainda não foram pagos podem ter liberação pelo banco através do documento.

 

Como pedir a certidão do PIS/Pasep e FGTS?

Em suma, a solicitação do documento pode ser feita facilmente e é entregue no endereço residencial ou o endereço que consta no sistema do INSS. Dessa forma, o envio leva cerca de 20 dias, e o beneficiário deve aguardar o recebimento da carta de concessão em sua casa.

 

1. Internet

A certidão para saque do PIS/PASEP ou FGTS pode ter solicitação no site do INSS. Assim, basta seguir os passos:

  1. Acesse o site do INSS;
  2. Digite na barra de pesquisas “Certidão para saque do PIS/PASEP/FGTS” e preencha os dados solicitados;
  3. O envio da certidão de saque será feito após a confirmação, para o seu endereço residencial ou o informado no sistema do INSS.

 

2. Telefone

Pelo telefone, basta ligar para o número 135.  O serviço é gratuito ao cidadão. Em casos de dúvidas sobre o serviço, basta entrar em contato com a Central de Atendimento do INSS pelo telefone 135, que está disponível de segunda a sábado das 7h às 22h (horário de Brasília). Por fim, se o pedido foi concedido há menos de 20 dias, o beneficiário deve aguardar o recebimento da carta de concessão em sua casa.

 

Leia também:

Saque PIS/Pasep 2020: veja quais são os documentos necessários

Saque do FGTS: veja a lista de documentos necessários

Calendário do PIS/Pasep: veja quando vai receber o abono salarial

Você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.